Coopmel espera instalar novo entreposto de Maceió até janeiro

Agronegócio

Coopmel espera instalar novo entreposto de Maceió até janeiro

O novo entreposto da unidade, que vai beneficiar economicamente cerca de 600 pessoas, está prestes a sair do papel
Por:
3660 acessos
Definido como o coração da Cooperativa de Produtores de Mel de Abelha e Derivados LTDA (Coopmel) o novo entreposto da unidade, que vai beneficiar economicamente cerca de 600 pessoas, está prestes a sair do papel. Em uma reunião, realizada na tarde desta terça-feira, a direção da cooperativa discutiu os últimos detalhes com o vice-presidente de gestão corporativa da Companhia de Abastecimento de Água e Saneamento do Estado de Alagoas (Casal), José Avelar.

No encontro, foi lida a minuta de concessão do terreno da Casal e tiradas as dúvidas sobre as atividades que a Cooperativa vai desenvolver na área. De acordo com José Avelar a preocupação da Companhia é quando a preservação da região, visto que, o terreno faz divisa com um dos principais pontos de abastecimento de água da capital, área de nascente no bairro dos Santos Dumont, parte alta de Maceió.

“A minuta do contrato vai agora ser discutida com o jurídico e com a presidência da Companhia, e os pontos levantados nessa reunião, como a revisão do tempo de uso do terreno, serão discutidos. Acredito que não haverá maiores problemas. Já conversamos e ficou acordados que em janeiro a cooperativa já poderá se instalar”, declarou Avelar.

O presidente da Coopmel, Carlos Carrasco, esclareceu que a apicultura é uma atividade totalmente viável, ecologicamente correta e de alcance social inestimável. “Nesse encontro estamos esclarecendo sobre a cultura da apicultura e a importância da concessão desse terreno para o desenvolvimento da nossa cooperativa. São 144 cooperados espalhados em todo estado. Nossa atividade beneficia diretamente 300 famílias e com a concessão da área construiremos o coração da nossa unidade”, ressaltou Carlos Carrasco.

O superintendente da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Energia e Logística (Sedec), Adelmo Martins, que intermediou o encontro, reforçou durante a reunião que a concessão do terreno é um pleito da Sedec e do Conselho Estadual do Cooperativismo (Conecoop), que estão empenhados para o crescimento do cooperativismo no estado. “A atividade cooperativa é de extrema importância para o desenvolvimento do estado e o secretário Luiz Otávio interveio pessoalmente na causa da Coopmel”, destacou.

O assessor jurídico da Organização e Sindicato das Cooperativas do Estado de Alagoas (OCB/AL), João Carlos Ramiro, acompanhou a reunião e também ficou com uma copia da minuta para avaliação. Para João Carlos a reunião foi esclarecedora e as condições ficaram bastante claras. “Estamos disponíveis para prestar assistência à cooperativa. O que pedi a direção da Coopmel foi que eles leiam atentamente e discutam cada ponto”, reforçou.

Com a concessão do terreno a cooperativa irá construir o primeiro centro de beneficiamento da própolis vermelha no país, já que Alagoas é o único estado que produz esse tipo de própolis. A nova estrutura servirá ainda como centro de distribuição e atendimento aos cooperados do Litoral e Zona da Mata, próximos a capital. Hoje a única unidade da cooperativa que benéfica o mel está instalada em Pão de Açúcar, a 227 quilômetros de Maceió.
 
As informações são da assessoria de imprensa da Cooperativa de Produtores de Mel de Abelha e Derivados LTDA - (Coopmel).
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink