Crescimento da safra do Piauí em 2011 será de quase 41%, afirma Conab

Agronegócio

Crescimento da safra do Piauí em 2011 será de quase 41%, afirma Conab

Ajuste da área arroz plantada e a melhoria da produtividade da soja e do milho, contribuíram para o resultado
Por:
934 acessos

Um levantamento da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), o primeiro deste ano, divulgado nesta quinta-feira (06) aponta que devem ser colhidas na safra piauiense 2010/2011 aproximadamente 1,950 milhão de toneladas de grãos, um aumento superior a meio milhão de toneladas em relação ao período anterior. Com isso, a alta deve ser de quase 41%, o quarto maior índice de crescimento do país.

De acordo com o órgão, o ajuste da área arroz plantada e a melhoria da produtividade da soja, bem como do milho, contribuíram para o resultado positivo da pesquisa no Estado. Só a soja, vai ter um acréscimo de quase 34%, com uma colheita prevista de 1,1 milhão de toneladas de grãos. Porém, a Conab ressalta que a estimativa depende de condições climáticas favoráveis às maiores culturas, como algodão, soja, feijão, arroz e milho.

Quanto às outras culturas que compõem a safra piauiense de grãos, todas apresentam alta neste novo levantamento. Destaque maior para o algodão em pluma e o arroz que devem registrar safras duas vezes maiores que a atual, ou seja, o algodão terá um crescimento de 187% e do arroz de 119,4%. Já o feijão a alta será de 80,4% da safra colhida em 2009.

A pesquisa foi feita entre os dias 13 e 16 de dezembro por 51 técnicos da Conab, que ouviram representantes de cooperativas e sindicatos rurais, de órgãos públicos e privados nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além de parte do Norte e do Nordeste.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink