Cuidados com proteção e nutrição contribuem para qualidade final da cenoura em São Gotardo (MG)

Agronegócio

Cuidados com proteção e nutrição contribuem para qualidade final da cenoura em São Gotardo (MG)

Produtores da região poderão conferir tendências para a produção de hortifruti na Fenacampo 2016
Por:
3363 acessos

Com uma área produtiva de 50 mil hectares, a região de São Gotardo se destaca como um dos maiores polos produtores de hortifruti do país. O solo, clima, relevo e a alta tecnologia alinhados a boas práticas de manejo fazem da região uma referência no cultivo da cenoura. O reconhecimento da qualidade estimulou os produtores a desenvolverem um selo de São Gotardo, que garante que a produção foi feita seguindo normas trabalhistas e ambientais, além de possibilitar a rastreabilidade dos produtos.
 
Preocupados com o meio-ambiente, uma prática bastante difundida na região é a utilização da biotecnologia natural para obter melhores resultados no cultivo da cenoura, uma vez que as hortaliças demandam boa aparência na hora da venda. “Hoje a preocupação é com a sustentabilidade das culturas. Grandes varejos, inclusive, fazem uma análise de resíduos antes de colocá-las a venda. A biotecnologia vem para ajudar a melhorar o cultivo principalmente na parte de proteção, melhorando o aspecto”, afirma o gerente de vendas do Triângulo Mineiro da Alltech Crop Science, André Piotto.
 
As soluções naturais aplicadas ao cultivo da cenoura é uma prática feita há cerca de cinco anos por Eduardo Sekita em sua produção na região de São Gotardo (MG). Sócio-proprietário do Sekita Agronegócios, ele afirma ter percebido um melhor resultado no produto final. “Nós usamos produtos biológicos e à base de aminoácidos pensando na segurança alimentar e maior qualidade do produto. Também temos resultados em relação à nutrição, tendo uma planta mais equilibrada e resistente a doenças”, explica.
 
Segundo Piotto, o cuidado com o produto final tem sido uma questão em evidência atualmente. “Além da preocupação com o solo, que existe há bastante tempo pelos produtores da região mineira, o momento exige atenção também quanto à qualidade e aparência do produto final, na hora em que ele sai da fazenda e vai para a gôndola do mercado”, complementa o especialista.
 
Fenacampo
 
Nos dias 6, 7 e 8 de julho acontece a Fenacampo, no Parque de Exposições de São Gotardo. Em sua 5ª edição, a feira oferece ao produtor rural da região uma oportunidade de contato com novos fornecedores, conhecimento de novas tecnologias e a realização de negócios. No ano passado, o evento reuniu cerca de 350 produtores e 50 empresas expositoras. “O produtor normalmente passa o dia no campo e acaba tendo pouco tempo para trocar experiências. Por isso, a feira é uma boa oportunidade para compartilhar ideias e de fechar negócios”, ressalta Sekita.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink