Cultivo e processamento de mandioca são abordados em curso da Embrapa
CI
Agronegócio

Cultivo e processamento de mandioca são abordados em curso da Embrapa

Curso será entre os dias 7 e 11 de abril
Por:
Profissionais de assistência técnica e extensão rural (Ater), consultores e empresários da cadeia produtiva da mandioca podem se inscrever para participar, de 7 a 11 de abril, do Curso sobre Cultivo e Processamento da Mandioca, que vai acontecer na Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas, BA), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O treinamento é coordenado pelos pesquisadores Joselito da Silva Motta e Carlos Estevão Leite Cardoso, do Setor de Gestão de Transferência de Tecnologia, e Saulo Alves Santos de Oliveira, líder da Equipe Técnica de Mandioca, e visa dar uma visão geral sobre diversos aspectos da cadeia produtiva da mandioca no Brasil. A raiz, originária da América do Sul, é um dos principais alimentos energéticos para mais de 700 milhões de pessoas em todo o mundo. A produção brasileira de mandioca em 2012 foi de 23.044.557 toneladas, segundo dados do IBGE

As aulas vão abordar, por exemplo, o manejo e a conservação do solo, a identificação e o manejo de doenças e o manejo integrado de pragas. Quanto aos sistemas de produção, serão destacados os da agricultura familiar, os sistemas tradicionais de cultivo, a produção integrada, o plantio direto e os sistemas industriais.

Os participantes vão também conhecer detalhes do projeto “Rede de multiplicação e transferência de materiais propagativos de mandioca com qualidade genética e fitossanitária” (Reniva), voltado para o fortalecimento da cadeia produtiva a partir da seleção de manivas (mudas) de alta qualidade que serão multiplicadas e repassadas aos produtores.

Visitas
A programação terá um forte componente prático. Na Embrapa, os visitantes vão conhecer os campos experimentais e o Banco Ativo de Germoplasma (BAG) de Mandioca, o maior do país e o segundo maior da América Latina, que reúne 1271 acessos provenientes de vários ecossistemas. “Nosso BAG constitui a base genética dos programas de melhoramento de mandioca para o Brasil e para outros países da América Latina e da África que têm condições ambientais similares”, explica Cardoso, supervisor do STT. 

As visitas técnicas a parceiros da Embrapa na área de transferência de tecnologia também têm destaque na programação. Haverá viagens para conhecer a Casa Familiar Rural e a Cooperativa dos Produtores Rurais de Presidente Tancredo Neves (Coopatan), ambos em Tancredo Neves, e a Cooperativa de Produtores de Mandioca (Coopamido), localizada em Laje. Nas duas cooperativas, são conduzidos experimentos com variedades geradas pelo programa de melhoramento genético de mandioca da Embrapa que são acompanhadas pelos produtores cooperados.

Em Cruz das Almas, o grupo vai visitar uma unidade de produção de beijus no distrito de Cadete e o mercado municipal de farinha e derivados de mandioca. No município vizinho de Sapeaçu, será visto, na prática, o uso da manipueira na alimentação animal, em particular, do gado leiteiro.

Serviço:
Evento: Curso sobre Cultivo e Processamento de Mandioca
Período: 7 a 11 de abril
Local: Embrapa Mandioca e Fruticultura (Cruz das Almas, BA)
Número de vagas: 30
Público-alvo: profissionais de assistência técnica e extensão rural (Ater), consultores e empresários.
Valor da inscrição: R$ 200,00 (duzentos reais)
Informações:
3312-8077
cnpmf.inscricao@embrapa.br
http://www.cnpmf.embrapa.br/ultimas_noticias/programa_CapacitacaoMandioca.pdf
Inscrições: https://eventos.funarbe.org.br/detalhes/curso-sobre-cultivo-e-processamento-de-mandioca

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink