Cursos do SENAR/MS contribuem para conhecimento comercial da apicultura

Agronegócio

Cursos do SENAR/MS contribuem para conhecimento comercial da apicultura

O mel é um alimento que vem registrando crescimento expressivo de consumo no cenário nacional e internacional.
Por:
392 acessos

Apreciado pelo sabor, propriedades nutritivas e curativas, o mel é um alimento que vem registrando crescimento expressivo de consumo no cenário nacional e internacional. O levantamento publicado pelo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística mostra que, em 2015, foram produzidas 37,8 mil toneladas do produto em território nacional, no entanto, em Mato Grosso do Sul este número totalizou 785 toneladas.

Com objetivo de fomentar a produção, o SENAR/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do estado oferece capacitações que vão desde a compreensão da atividade até o manejo de espécies com alta produtividade por colmeia. É importante destacar que Mato Grosso do Sul é referência nacional e conta com um selo de identificação geográfica denominada IG Mel do Pantanal, aprovado em março do ano passado.

Os produtos que recebem esta certificação apresentam qualidade diferenciada, em razão de características naturais como solo, vegetação, clima e manejo. O mel produzido na região do Pantanal atende estas exigências e conserva o bioma, por praticar a apicultura sustentável e que colabora com a manutenção ou plantio de espécies vegetais. As diversas floradas das plantas silvestres na região resultam em produto com sabor, aroma e coloração particular, bastante apreciado no mercado externo.

Segundo o médico veterinário e instrutor do SENAR/MS, Gustavo Nadeu Bijos, um reconhecimento como este é importante para os produtores do Estado, reforçando que a atividade não oferece nenhum dano ao meio ambiente. “Além da valorização do produto, possibilitará uma grande contribuição na preservação do bioma Pantanal já que para produzir mel, própolis, pólen, cera e outros produtos, a apicultura não causa qualquer dano à natureza, muito pelo contrário, incentiva o produtor a cuidar melhor das plantas que oferecem o alimento às abelhas e da água que sempre deve ser de boa qualidade quando utilizada por elas”, observa.

Fortalecendo a Apicultura no Pantanal - No mês de setembro, um grupo de 10 moradores da comunidade São Francisco, localizada a 150 km de Corumbá, nas margens do rio Paraguai participou do curso de ‘Apicultura Avançada’ para aprimorar a atividade de produção de mel e contou com apoio do sindicato rural. Segundo Bijos, o empenho do grupo foi fundamental para a realização do treinamento, já que alguns membros tinham se deslocado anteriormente até o município para participar da primeira fase do curso. “Os participantes entenderam a viabilidade de aprofundar os conhecimentos na atividade e nos relataram que o objetivo é diversificar o trabalho em conjunto com a produção de mandioca, frutas e coleta de iscas existentes.”, pontua.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink