Defensivos agrícolas exigem cuidados especiais, diz Sindiveg
CI
Imagem: Pixabay
AVIAÇÃO AGRÍCOLA

Defensivos agrícolas exigem cuidados especiais, diz Sindiveg

Sindicato espera que o caso seja solucionado rapidamente, com aplicação das medidas cabíveis, desde que as irregularidades sejam comprovadas
Por: -Aline Merladete

O Portal Agrolink conversou nesta sexta-feira (07.05) com o Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg) sobre o caso de pulverização aérea em que uma comunidade foi intoxicada por defensivos agrícolas lançados de avião em Buriti, no Maranhão. Os fazendeiros responsáveis foram multados por atividade ilegal de pulverização aérea, as equipes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA) e do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA) identificaram que os fazendeiros não possuíam licenciamento ambiental da atividade de pulverização aérea.

O Sindiveg informou que acompanha com atenção a investigação sobre a alegada pulverização aérea de defensivos agrícolas em Buriti (Maranhão). A entidade condena quaisquer práticas em desacordo com a legislação e com as recomendações técnicas dos fabricantes em bula ou dos profissionais, por meio de receituário agronômico. O Sindicato espera que o caso seja solucionado rapidamente, com aplicação das medidas cabíveis, desde que as irregularidades sejam comprovadas.

O Sindiveg ressalta que os defensivos agrícolas exigem cuidados especiais e são seguros quando usados de forma correta. Antes de comercialização, as soluções – que combatem pragas e doenças no campo – são testadas e submetidas a longo e rigoroso processo de avaliação, que dura em média 5 anos até a aprovação e envolvem amplas pesquisas e comprovação científica da eficácia. Esse cuidado é a garantia de que os insumos são benéficos para as plantas e seguros para as pessoas e o meio ambiente.

MAIS:

Ciente de que a disseminação de informações é essencial para a melhorar o processo de uso e aplicação de defensivos, o Sindiveg desenvolveu uma plataforma de treinamentos gratuita, voltada aos agricultores, com orientação sobre os insumos, as tecnologias de aplicação e o uso de equipamentos de segurança. Em associação, esses pilares ajudam a prevenir acidentes e maximizar o potencial da agricultura. O curso, que é gratuito e oferece certificado para cada módulo concluído, pode ser acessado em treinamentos.sindiveg.org.br.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.