Descoberto mecanismo chave para a imunidade de plantas

PESQUISA

Descoberto mecanismo chave para a imunidade de plantas

Técnica pode resultar em plantas mais produtivas
Por: -Leonardo Gottems
1799 acessos

Uma equipe internacional do Centro de Biologia de Plantas Sistemas VIB-UGent, na Bélgica e da Universidade de Basel, na Suíça, descobriram uma ligação entre uma classe de enzimas e sinais do sistema imunológico que são ativadas quando as plantas estão danificadas e devem ser reparadas. Nas plantas, as células danificadas enviam sinais para alertar o tecido circundante da ferida e esses sinais ativam o sistema imunológico para prevenir infecções e promover a regeneração dos tecidos. 

Fragmentos curtos de proteínas ou peptídeos são importantes no sistema imunológico da planta. Estes peptídeos são produzidos a partir de proteínas precursoras que são determinadas pelas chamadas enzimas proteolíticas ou proteases. Existem muitas proteases, o que significa que a identificação daquelas relacionadas ao sistema imune é necessária para entender seu funcionamento e poder ser aplicada no melhoramento genético. Os pesquisadores feriram as folhas de Arabidopsis e descobriram que uma classe de enzimas proteolíticas chamada metacaspases desempenhou um papel importante na resposta da planta, que envolve a liberação de cálcio e da proteína precursora do peptídeo PROPEP1. 

Para verificar esse achado, os pesquisadores produziram uma planta com uma mutação no gene que codifica uma metacaspase e esta planta não conseguiu liberar o sinal imune. Para entender a velocidade e extensão da resposta imune em Arabidopsis, eles danificaram as raízes com lasers e descobriram que as células das plantas selecionadas responderam rapidamente. Isso abre novos caminhos de investigação, uma vez que as proteases geralmente dividem mais de uma proteína. 

As estratégias de melhoramento de culturas são selecionadas principalmente para o crescimento, rendimento e qualidade ideais de alimentos ou rações, em combinação com o uso intensivo de produtos fitossanitários, que podem paralisar o sistema imunológico da planta. As metacaspases agora surgem como alvos potenciais para melhorar as técnicas de reprodução. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink