Desempenho das carnes na terceira semana de junho

Agronegócio

Desempenho das carnes na terceira semana de junho

As exportações de carnes fecharam os primeiros 13 dias úteis do mês obtendo, pela média diária, receita cambial de US$57,546 milhões.
Por:
393 acessos

As exportações de carnes fecharam os primeiros 13 dias úteis do mês (de um total de 22 dias úteis) obtendo, pela média diária, receita cambial de US$57,546 milhões, valor 3,6% e 8% inferior aos registrados, respectivamente, no mês anterior e no mesmo mês do ano passado. Ainda assim essa receita se mantém entre os melhores resultados dos últimos sete meses.

Projetados esses resultados para a totalidade do mês observa-se que, em relação ao mês anterior, a única carne a sinalizar queda de receita é a bovina (-3,67%), pois as carnes suína e de frango indicam aumento de receita de 6,85% e 10,62% respectivamente.

Porém, quando a base para a comparação é o mesmo mês do ano passado, só a carne suína tende a um resultado positivo (+9,76%), pois as carnes bovina e de frango tendem a reduções de, respectivamente, 3,66% e 7,52%. 

Quanto ao volume, o indicativo atual é de alta generalizada em relação a junho de 2015. Ou, detalhando, de 41,35% para a carne suína, de 8,99% para a carne bovina e de 2,96% para a carne de frango. 

Já em comparação a maio passado, as carnes suína e de frango tendem a aumento de volume em torno de 4% e 8%, respectivamente, enquanto a carne bovina sinaliza redução não inferior a 2%.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink