Desempenho do frango vivo na quarta semana de outubro

Agronegócio

Desempenho do frango vivo na quarta semana de outubro

O frango vivo comercializado no interior paulista permaneceu com a cotação referencial inalterada em R$3,10/kg
Por:
240 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

No decorrer da quarta semana de outubro (23 a 29, seis dias de negócios), o frango vivo comercializado no interior paulista permaneceu com a cotação referencial inalterada em R$3,10/kg. Assim, completou no sábado, 29, exatos 60 dias sem qualquer alteração de preço - exceto naqueles casos em que a ave “spot” só encontrou colocação por valores inferiores ao de referência.

Os paulistas, porém, não estiveram sozinhos. Em Minas Gerais o frango vivo também passa por um longo período de estabilidade de preço. Mas como o mercado local permanece igualmente fraco, o preço praticado tornou-se apenas referencial – R$3,30/kg, valor que completou no sábado 62 dias de vigência.

De princípio, o início de novo mês, amanhã, não altera a situação até aqui observada. O que se tem como certo, apenas, é que a produção segue ajustada, provavelmente em níveis inferiores aos de um ano atrás.

Ou seja: o problema não está na oferta, mas na demanda, em crescente recessão. E se nem uma oferta menor consegue dar equilíbrio ao mercado, o abastecimento acaba sendo inflado por produto originalmente destinado ao mercado externo. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink