Desempenho do frango vivo nos 7 primeiros dias de negócios de outubro

Agronegócio

Desempenho do frango vivo nos 7 primeiros dias de negócios de outubro

O frango vivo completou os sete primeiros dias de negócios de outubro sem registrar qualquer variação no preço referencial.
Por:
272 acessos

O frango vivo completou os sete primeiros dias de negócios de outubro sem registrar qualquer variação no preço referencial, o que significa que permanece com as mesmas cotações do final de dois meses atrás – R$3,10/kg no interior paulista; R$3,30/kg em Minas Gerais.

Às segundas-feiras os negócios com o frango vivo são, normalmente, de pequena monta, pois o dia é de avaliação do comportamento do frango abatido no final de semana. Hoje, porém, a segunda-feira tem um ingrediente a mais: o feriado da próxima quarta-feira, 12, quando não haverá abate, o que pode levar a uma demanda maior para suprir os abates de amanhã.

Porém, ainda que isso venha a ocorrer, é pouco provável que haja alguma correção no preço referencial (referencial, explica-se, pois negócios continuam sendo realizados por valores inferiores aos da cotação prevalente). Assim, a tendência é de que, em São Paulo, se chegue ao 41º dia com a cotação inalterada, enquanto em Minas Gerais esse espaço de tempo chega aos 43 dias.

Em tempo: até sexta-feira, 7, o frango abatido vinha em franca recuperação. Mas os valores registrados no atacado paulistano eram inferiores aos registrados um mês antes. Como entramos no segundo decêndio de outubro, período em que começa a decrescer a demanda geral de alimentos, é pouco provável que se alcancem os preços registrados em setembro. Isso ocorrendo, ficam mais distantes as perspectivas de reação de preços do frango vivo.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink