Desempenho do frango vivo nos primeiros dias de dezembro

Frango

Desempenho do frango vivo nos primeiros dias de dezembro

Frango vivo comercializado no interior paulista completa
Por:
47 acessos

O frango vivo comercializado no interior paulista completa, nesta segunda-feira, o primeiro decêndio de dezembro com o mesmo quadro de abastecimento e preços observado 30 dias atrás. Isto significa dizer que o produto passou pelos primeiros dias de dezembro (habitualmente, um dos períodos mais ativos não apenas do mês, mas do ano) mantendo o mesmo valor referencial – R$3,00/kg – vindo, sem alterações, desde 7 de novembro passado. E a oferta continua excedendo sobremaneira a demanda existente.

Aliás, esse foi um dos aspectos que se agravaram em relação a novembro. Porque, com o aumento das disponibilidades de produto vindo das integrações, os descontos se ampliaram. Começaram em 20 centavos, passaram para até cinqüenta centavos e, no final da semana passada, já ultrapassavam esse valor.

Em outras palavras ocorrem, neste instante, transações aquém dos R$2,50/kg. E como isso recai sobre o produto que foge aos padrões habituais (maior é o peso do frango, maior é o desconto que sofre), os abatedouros que efetuam aquisições do gênero estão conseguindo obter verdadeiros “frangões de Natal” a custos inferiores aos dos produzidos especificamente para as Festas. Nessa área, portanto, as disputas de mercado tendem a aumentar.

Como o cerne do problema permanece centrado nas limitações enfrentadas por alguns abatedouros para processar toda a produção própria, parece estar claro que as condições atuais irão seguir dezembro adentro. Ou seja: o mês mais aguardado do ano corre o risco de registrar o pior desempenho do segundo semestre.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink