Destino de embalagens tem aumento de 11,7%

Agronegócio

Destino de embalagens tem aumento de 11,7%

Por:
326 acessos

No primeiro semestre, as unidades de recebimento paranaenses enviaram para o destino final ambientalmente correto (reciclagem ou incineração) 2.309,5 t de embalagens vazias de defensivos agrícolas, 11,7% a mais que o volume correspondente ao mesmo período de 2008, quando foram processadas 2.068,2 t. De acordo com o InpEV, instituto que reúne indústrias fabricantes de agrotóxicos, somente em junho, foram destinadas 502,4 t de embalagens vazias. Os bons índices conquistados pelo sistema de destinação final no Estado são resultado de ações conjuntas de agricultores, distribuidores e cooperativas, indústria e poder público, como Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sema) e suas autarquias, Instituto Ambiental do Paraná (IAP), Superintendência de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental (Suderhsa) e Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (Seab).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink