Dia de Campo apresenta tecnologia para bovinocultura de leite no sistema silvipastoril

Agronegócio

Dia de Campo apresenta tecnologia para bovinocultura de leite no sistema silvipastoril

2º Dia de Campo Sobre Bovinocultura Leiteira em Sistema Silvipastoril
Por:
978 acessos

A Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), realiza o 2º Dia de Campo Sobre Bovinocultura Leiteira em Sistema Silvipastoril, na próxima sexta-feira (25.11). O evento ocorre no município de Alto Paraguai (218 km a Médio Norte de Cuiabá), no Distrito de Capão Verde, na Estância Chaparral, de propriedade dos agricultores Maurício Teixeira Galvão e Márcia Galvão, a partir das 8 horas. O objetivo é apresentar a recuperação de pastagem, manejo rotacionado, implantação de capineira e outros.

Na Estância Chaparral foi instalada uma Unidade de Referência Tecnológica (URT) pela Empaer em 2012. Durante o Dia de Campo serão mostrados na prática os resultados sobre a produção de leite, aumento na taxa de natalidade, planejamento alimentar, quantidade de volumoso compatível com o número de animais, capacidade de apascentamento, sombreamento com o plantio de eucaliptos no corredor de acessos dos piquetes e a qualidade do leite da propriedade.

No dia do evento, os participantes vão percorrer quatro estações. Na primeira, o proprietário Maurício e o técnico agropecuário da Empaer, Irapuan Rodrigues da Silva, mostram a propriedade e o rebanho bovino. Na segunda estação, o técnico agropecuário da Empaer, Eliel Ferreira Porto, explica sobre a cana-de-açúcar na alimentação de bovinos de leite. Na seguinte, o supervisor técnico de uma empresa de cerca elétrica, Elias Pelachim, esclarece sobre a implantação da cerca e os benefícios. Na última estação, o pesquisador da Embrapa, Orlando Lúcio de Oliveira Júnior, aborda o manejo de pastagem em sistema silvipastoril.

Irapuan conta que foi realizado um diagnóstico na área no período da implantação da URT, que apontou que as pastagens estavam degradadas, faltava alimentação na seca, animais debilitados, alta mortalidade de bezerros e adultos, ordenha mecânica montada e parada, agricultor e família desanimados e sem perspectivas. Hoje, com um plantel de 83 cabeças de gado da raça girolanda, a produção de leite chega a 200 litros por dia. “Com as mudanças e o planejamento na propriedade, a renda do produtor chega a aproximadamente R$ 7 mil por mês”, destaca Irapuan.

O evento contará com a participação de produtores rurais, pecuaristas, estudantes, técnicos e outros. O Dia de Campo tem encerramento previsto para as 12 horas. Mais informações podem ser obtidas junto ao Escritório da Empaer no município de Barra do Bugres, pelo telefone (65) 3361-1182.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink