Dia de Campo em Formigueiro tratará de sustentabilidade na pecuária familiar

Pecuária familiar

Dia de Campo em Formigueiro tratará de sustentabilidade na pecuária familiar

Na tarde desta quinta-feira (23/08), a pecuária familiar é tema de um Dia de Campo em Formigueiro, na região Central do Estado
Por:
71 acessos

Na tarde desta quinta-feira (23/08), a pecuária familiar é tema de um Dia de Campo em Formigueiro, na região Central do Estado. O evento, promovido pela Emater/RS-Ascar e pela Prefeitura, será realizado a partir das 13h30, na localidade de Rincão do Capim, na propriedade do casal de agricultores Eliane e Rogério Cassol Pires, com o objetivo de incentivar a produtividade, o bem-estar animal e a sustentabilidade agrícola. 

A metodologia do Dia de Campo será composta por quatro estações temáticas, a fim de aprofundar os conhecimentos dos agricultores sobre a prática agropecuária. O assistente técnico de organização econômica do Escritório Regional da Emater/RS-Ascar de Santa Maria, engenheiro agrônomo Roblein Coelho Filho, falará sobre o planejamento forrageiro das propriedades rurais. Também da Instituição, estarão presentes os extensionistas rurais do Escritório Municipal de Formigueiro, técnicos agrícolas Abel Gonçalves e Jairo Marques, e o assistente técnico de produção animal, engenheiro agrônomo Francisco Palermo, para compartilhar conhecimentos com os agricultores a respeito da gestão das propriedades rurais. 

Em outra estação temática, o representante da DSM Tortuga, Rubem Albery de Souza Filho, falará sobre suplementação nutricional de bovinos de corte, com enfoque para o Programa 200, destinado à alimentação de terneiros. Além disso, o anfitrião e produtor rural Rogério Pires irá compartilhar suas experiências sobre o manejo reprodutivo de bovinos de corte. Para encerrar o Dia de Campo, haverá um café de confraternização, patrocinado pela empresa DSM Tortuga. 

A realização do evento corresponde às diretrizes institucionais da Emater/RS-Ascar, que visam promover ações em apoio aos pecuaristas, tendo em vista a importância econômica e social desse segmento produtivo para a agricultura familiar gaúcha. O assistente técnico da Emater/RS-Ascar, Roblein Cristal Coelho Filho, avalia que investir na pecuária de corte pode ser uma ótima oportunidade agrícola, tendo em vista a fácil integração com a lavoura, os menores riscos em relação às adversidades climáticas e a demanda crescente no consumo de carne até 2020, prevista pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink