Diminui o número de casos por intoxicação com agrotóxicos na região de Pato Branco (PR)

Agronegócio

Diminui o número de casos por intoxicação com agrotóxicos na região de Pato Branco (PR)

Por:
2 acessos

A utilização adequada dos equipamentos de proteção individual (EPI) para aplicação dos defensivos agrícolas em geral está contribuindo para a redução dos casos de contaminação dos operadores. Por mais que muitos ainda se neguem em vestir os aparatos de proteção por causa do excessivo calor transmitido pelo material utilizado, a aceitação está se tornando maior.

A preocupação com a incidência de casos de intoxicação na região de Pato Branco (PR) despertou o interesse do Ministério do Trabalho e do Instituto Nacional de Serviço Social (INSS), que estão mantendo um engenheiro visitando as propriedades. Ele está verificando o perfil profissiográfico e previdênciário dos moradores, diagnosticando as deficiências de proteção no manuseio dos agrotóxicos. Os EPI mais simples são luvas, máscara, óculos de proteção, avental, outras vestimentas de proteção, botas e chapéu.

Dados da 7ª Regional de Saúde apontam para uma redução de atendimentos pelo Serviço Único de Saúde (SUS), mesmo que em alguns municípios, como Coronel Domingos Soares, as contaminações ainda preocupem. Segundo os registros, em 2001 foram confirmados 19 pessoas na microrregião, sendo que dessas cinco ocorreram em Coronel Domingos Soares. Pato Branco teve dois pacientes. Já em 2002 foram 26 atendimentos na região, onde Pato Branco liderou com oito casos. Coronel Domingos Soares apareceu com seis. No ano passado os números subiram para 32, entre os quais Mangueirinha apresentou oito contaminações.

Coronel Domingos Soares teve mais seis pacientes. Nesse mesmo período foram registrados quatro pacientes em Pato Branco. Mesmo que ainda faltem menos de 40 dias para o término do ano, a 7ª Regional registrou apenas 12 casos confirmados de intoxicação por agrotóxicos. O município de Coronel Domingos Soares está liderando mais uma vez com seis registros. Pato Branco encaminhou apenas um até agora.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink