Distrito Federal é um dos líderes nacionais na produção de pimentão

Agronegócio

Distrito Federal é um dos líderes nacionais na produção de pimentão

Diferencial está no manejo, que permite reduzir o uso de agrotóxicos
Por:
177 acessos

O Distrito Federal é um dos líderes nacionais na produção de pimentão. O diferencial está no manejo, que além de estimular a produtividade, permite reduzir o uso de agrotóxicos.

O núcleo rural Taquara fica no DF e possui uma das maiores produções do país. No ano passado, foram mais de 12 mil toneladas.

Quase todos os produtores aqui da região utilizam a plasticultura. A técnica consiste no uso de estufas ou telados e do mulching, que é este plástico colocado na terra para proteger o solo.

— Esse plástico é o mulching que tem o efeito de manter a umidade e evitar que entre outras pragas. Serva para evitar contaminação e aumento de ervas daninas — disse o agrônomo da Emater-DF Paulo Borges.

Com essa técnica, o agricultor Carmo Cardozo chega a colher cinco toneladas de pimentão em cada estufa. Para incrementar ainda mais a produção, o trabalhador rural começou a fazer enxerto nas mudas. Ele une a parte de baixo do pé de pimenta com a parte de cima da muda de pimentão. O resultado é uma planta muito mais resistente, vantagem que significou um aumento de 30% na produtividade.

— É uma técnica positiva que todo de agora em diante tendem a usar o sistema. Ela reduz bastante a aplicação de defensivo, ela exige mais um pouco de adubação, mas em defensivo a gente ganha — diz o agricultor Carmo Cardozo.

O cuidado com o uso de defensivos é também uma preocupação da cooperativa local. Para evitar excesso de resíduos e garantir um controle maior da qualidade dos pimentões, foi implantado um sistema de rastreabilidade.

— Todo produto que chega aqui do nosso cooperado é cadastrado, gera um código, e esse código acompanha do produtor até o consumidor — diz o presidente da Cootaquara, Maurício Rezende.

Esse trabalho abriu portas para a cooperativa. Hoje ela é fornecedora das maiores redes de supermercado do país.

— A gente tem a tranqüilidade de oferecer um pimentão de qualidade sem ter esse risco de agrotóxico ao consumidor — completa Rezende.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink