Doação de mais de 3,8 mil cestas beneficia famílias indígenas em quatro estados
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,090 (1,09%)
| Dólar (compra) R$ 5,61 (0,12%)

Imagem: Divulgação

DOAÇÃO

Doação de mais de 3,8 mil cestas beneficia famílias indígenas em quatro estados

As famílias indígenas de Tocantins devem voltar a receber as cestas de alimentos confeccionadas pela Conab
Por:
24 acessos

As famílias indígenas de Tocantins devem voltar a receber as cestas de alimentos confeccionadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) ainda neste mês.  A Companhia retomou, na última semana, o transporte de 612 cestas para a  coordenação regional da Fundação Nacional do Índio (Funai) no município de Tocantinópolis. Também foram expedidas outras 99, destinadas à instituição, na cidade de Araguaína.

A iniciativa prevê a entrega de um total de 3.856 cestas para atender 1.928 famílias que vivem em comunidades indígenas não apenas do estado tocantinense, mas também, segundo a Funai, de Mato Grosso, Goiás e Pará. A expectativa é que até o dia 24 deste mês, todas as cestas já estejam na posse da fundação.

Cada família vai receber duas unidades, contendo, cada uma, 10 kg de arroz, 4 kg de feijão, 1 kg de fubá de milho, 2 kg de mandioca, 1 lt de óleo de soja, 2 kg de açúcar cristal, 1 kg de leite em pó e 1 kg de macarrão.

Em Tocantins, a ação teve início em 16 de junho e já foram entregues 428 cestas. Os alimentos foram adquiridos com recursos do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), com vistas a atender emergencialmente as pessoas em situação de vulnerabilidade e mitigar os efeitos negativos provocados pela pandemia da COVID-19 nas comunidades locais.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink