Egito desmente boato de que interrompeu suas compras de trigo da Ucrânia

Agronegócio

Egito desmente boato de que interrompeu suas compras de trigo da Ucrânia

Por:
169 acessos

O aumento da oferta de trigo nos portos do Mar Negro por parte de Rússia e Ucrânia, que competem com o trigo americano, puxou a baixa da cotação da commodity ontem. O Egito, maior importador mundial do cereal, informou ontem que jamais interrompeu suas compras da produção ucraniana, desmentindo notícias de que havia ocorrido suspensão de compras em virtude de uma suposta baixa qualidade do trigo da Ucrânia. Na bolsa de Chicago, os contratos para julho caíram 7 centavos de dólar, para US$ 5,27 por bushel. Em Kansas, os papéis para junho recuaram 4,50 cents, para US$ 5,70 por bushel. No Paraná, a saca de 60 quilos saiu, na média, por R$ 28,83, baixa de 0,48%, de acordo com o Departamento de Economia Rural (Deral).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink