Emater e Mapa buscam parceria para implantação de Selo IG da banana

Agronegócio

Emater e Mapa buscam parceria para implantação de Selo IG da banana

Entidades pretendem investir recursos em ações para implantação de registro em Buriti Alegre
Por:
705 acessos

Com o objetivo de buscar parceria para a implantação do Selo de Indicação Geográfica (Selo IG) da Banana da região de Buriti Alegre, representantes do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estiveram reunidos com a equipe da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater). O encontro foi realizado nesta sexta-feira (25/11), na sede da Emater. 

Na ocasião, foram discutidos os termos para a viabilização da parceria por meio da execução de ações que estão inclusas em um plano de trabalho. O objetivo é que o Mapa repasse cerca de R$ 100 mil para a aplicação em ações que visam a implantação do Selo IG da Banana de Buriti Alegre. 

Segundo o diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural da Emater, Antelmo Teixeira Alves, a Agência irá analisar todos os termos sugeridos pela entidade. “Foram 4 metas propostas e cada uma delas inclui ações que deverão ser executadas pela entidade, caso a Emater aceite as sugestões”, explicou o diretor.

Implantação

De acordo com o auditor fiscal do Mapa Rodrigo Batista de Paula a parceria com a Emater representa um passo significativo para a implantação do Selo IG. “Nós buscamos a Emater porque ela desenvolve um trabalho ativo na área de assistência técnica e extensão rural e conhece bem a região”, contou o auditor.

Para a implantação do Selo IG da Banana de Buriti Alegre é necessário seguir todos os critérios exigidos pelo Mapa e para isso, a Emater contaria com a opção de outras empresas e seus profissionais. Entre as ações que deverão ser executadas estão o estudo da parte histórica da produção de bananas na região, o diagnóstico com informações sobre as atividades, o georreferenciamento, o regulamento de uso do selo e a difusão de tecnologia, com cursos, seminários, visitas técnicas e dia de campo.

Vantagens

Ainda de acordo com o auditor fiscal, o selo proporcionará inúmeras vantagens aos produtores de banana da região. “O produtor estará selecionado para o mercado além de apresentar um produto mais qualificado para o consumidor’, explicou Rodrigo. 

Outro ponto ressaltado por Rodrigo Batista é que para a utilização do Selo IG, os produtores terão que estar aptos, seguindo normas prescritas no termo de regulamentação. Entre elas estão o manejo adequado e o armazenamento correto dos produtos, elementos que agregam valor no mercado. 
 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink