Emater integra Núcleo de Pesquisa de Pesca e Aquicultura

Agronegócio

Emater integra Núcleo de Pesquisa de Pesca e Aquicultura

Grupo instituído pelo IF Goiano é responsável pelo desenvolvimento de pesquisa agropecuária
Por:
624 acessos

Grupo instituído pelo IF Goiano é responsável pelo desenvolvimento de pesquisa agropecuária

Em cerimônia realizada no Instituto Federal Goiano (IF Goiano) em 16 de agosto, foi instituído o Núcleo de Pesquisa Aplicada a Pesca e Aquicultura (Nupa). O grupo reúne 15 pesquisadores de instituições goianas relacionadas ao setor e tem como objetivo o desenvolvimento de pesquisa aplicada para a área. Três pesquisadores da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater) integram o Núcleo.

O Núcleo é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) em cooperação com o Ministério da Agricultura. Além da unidade goiana, existem Nupas de Pesca e Aquicultura espalhados pelo país, ligados a uma instituição de ensino do MEC.

No IF Goiano, está sediado o Nupa Centro-Oeste III. Maria José Del Peloso, diretora de Pesquisa Agropecuária da Emater, destaca que o Nupa prevê ações de pesquisa, mas também de educação e extensão rural. “É uma grande força de trabalho para a linha de pesquisa em pesca e aquicultura e todos os membros vão trabalhar em projetos de interesse comum".

Os técnicos Francisco Cabral Neto e Jesus Xavier Ferro e o pesquisador Rolando Mazzoni representam a Emater no Nupa Centro-Oeste III. Também fazem parte do grupo representantes da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) / Unidade Pesca e Aquicultura e do Ministério da Agricultura.

Objetivos

Os Núcleos de Pesquisa Aplicada a Pesca e Aquicultura tem como objetivo a promoção e o desenvolvimento de políticas para formação humana na área de aquicultura familiar, pesca marinha, portos e navegação. Temas como inclusão social, sustentabilidade ambienta, segurança e soberania alimentar e o fortalecimento de cultuas de comunidades tradicionais também são debatidos dentro do Nupa.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink