Emater-MG realiza dia de campo virtual inédito na Zona da Mata
CI
Imagem: Pixabay
EVENTO

Emater-MG realiza dia de campo virtual inédito na Zona da Mata

Evento aconteceu em comunidade rural de Manhuaçu e foi direcionado a cafeicultores
Por:

Com a queda dos casos de Covid-19 no país e no estado, os eventos presenciais estão voltando ao campo. Isso no entanto, não apaga a importância das experiências inéditas vivenciadas pelos agricultores familiares, no auge da pandemia, graças à utilização de tecnologias que adotam processos virtuais de comunicação. O momento foi considerado difícil, mas está deixando um legado de conhecimentos e aprendizados no meio rural. É o caso de um dia de campo virtual, realizado em maio de 2021, na comunidade rural do Palmeirinha, no município de Manhuaçu, na Zona da Mata

Com uma população estimada em 860 pessoas, representando cerca de 230 famílias, todas vivendo da agricultura familiar, Palmeirinha fica a 50 quilômetros da sede do município, se considerar o trajeto feito pela estrada asfaltada ou 30 quilômetros por estrada de terra. Quase 100% dos seus moradores vivem da cafeicultura. A exceção fica por conta de uma pequena parcela que planta abacate consorciado com café.

A realização de um dia de campo virtual em 2021 foi desencadeada pela necessidade do escritório local da Emater-MG, garantir atendimentos necessários ao agricultor familiar, num momento crucial de perdas econômicas. Afinal esse segmento rural, como outros do país, já estava bastante penalizado pelas medidas sanitárias necessárias, mas restritivas para o desenvolvimento pleno das atividades agrícolas. A paralisação impactava negativamente a renda dos agricultores.

A solução encontrada pela equipe técnica da empresa foi a realização, pela primeira vez, de um dia de campo totalmente virtual. Após os assuntos serem definidos em parceria com a Comunidade do Palmeirinha, por meio de mensagens enviadas via WhatsApp e também por um informativo semanal batizado de “É Hora…”, também criado pela equipe técnica da Emater-MG, o evento foi colocado em prática no dia 27 de maio de 2021.

“Estávamos no auge da pandemia e época de pré-colheita do café, os cafeicultores se encontravam sedentos por informações técnicas a respeito da colheita e também por estratégias para a próxima safra. Não havia possibilidade de organizar eventos ou reuniões presenciais. Então, para resolver o problema de aglomeração de pessoas e ainda conseguir levar informações aos agricultores foi que realizamos o dia de campo virtual para a comunidade”, justificou o extensionista local, Cristiano Alberto Silva.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.