Embarques de carne de frango tendem a repetir agosto de 2015

Agronegócio

Embarques de carne de frango tendem a repetir agosto de 2015

Embarques de carne de frango tendem a repetir agosto de 2015.
Por:
152 acessos

Embarques de carne de frango tendem a repetir agosto de 2015

Os resultados das exportações de carne de frango da primeira semana de agosto (1 a 6, cinco dias úteis) são, à primeira vista, pouco promissores. 

Porque, principalmente, os embarques do período registraram, pela média diária, o terceiro pior resultado dos últimos 12 meses (14.976 toneladas/dia), somente superando as 14.208 toneladas/dia de outubro do ano passado e as 14.320 toneladas de janeiro de 2016. 

Dessa forma, agosto foi iniciado com uma redução de mais de 2% sobre o mês anterior (15.311 toneladas/dia em julho/16) e de quase 9% sobre o mesmo mês do ano passado (16.422 toneladas/dia em agosto de 2015).

Mas, como foi dito inicialmente, o resultado é pouco promissor só à primeira vista. Porque os agora comedidos embarques diários podem ser compensados pelo mês mais longo. Ou seja: agosto corrente tem 23 dias úteis, contra 21 dias úteis do mês passado e de agosto do ano passado.

Assim, partindo desse raciocínio, os embarques totais do mês podem superar as 344 mil toneladas, ficando muito próximos das 344.865 toneladas de agosto de 2015. Neste caso, apresentariam incremento da ordem de 7% sobre as 321,529 toneladas de julho passado.

Porém, o item mais alvissareiro, por ora, é o que diz respeito ao preço médio, da ordem de US$1.671,10 por tonelada embarcada. Porque, além de estar 5,17% acima do preço médio de julho passado (US$1.589/t), corresponde ao melhor valor dos últimos 13 meses. E isto quer dizer que apresenta evolução positiva em relação a agosto de 2015.

É verdade que o ganho registrado pode ser modesto (por ora está em 1,5%). De toda forma, se isso se confirmar, será a primeira vez em 20 meses que as exportações brasileiras de carne de frango registram, em relação ao mesmo mês do ano anterior, incremento no preço médio.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink