Empresas e entidades garantem apoio ao ato público em defesa da suinocultura
CI
Agronegócio

Empresas e entidades garantem apoio ao ato público em defesa da suinocultura

Por:
A Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) recebeu nas últimas semanas apoio direto de empresas e entidades do setor de suínos para o grande ato público em defesa da suinocultura, que será realizado nesta quinta-feira (12), em Brasília.

“Nesse momento é imprescindível o apoio dos outros elos da nossa cadeia, por isso, gostaria de reforçar a adesão de empresas de diversas áreas a nossa causa. São elas: Agroceres Multimix, Bayer Saúde Animal, Elanco, Merial, MSD Saúde Animal, Nutron, Pfizer Saúde Animal, Poli-Nutri, Sanphar e Vaccinar que diretamente reforçam sua parceria a entidade e comprovam estar ao lado do suinocultor brasileiro”, destacou o presidente da ABCS, Marcelo Lopes.


A Associação Brasileira das Empresas de Genética de Suínos (ABEGS) também aderiu à causa, junto de outras entidades representativas do setor suinícola, a Associação dos Suinocultores do Vale do Piranga (ASSUVAP) e a Confederação Nacional da Agricultura (CNA). Em reunião com representantes da ABCS, a superintendente técnica da CNA, Rosimeire dos Santos, afirmou que a entidade irá reforçar na tarde desta terça-feira (10) os pedidos feitos pelos suinocultores junto ao secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Caio Rocha.


Entre os principais pedidos, está o aumento no limite de crédito de custeio para as matrizes oferecido aos produtores. A ABCS pede que seja o valor seja de R$ 500 por matriz, sendo que o teto de endividamento seja de acordo com a capacidade de pagamento de cada produtor. Como o pedido demanda custos para o governo, o secretário se comprometeu a elaborar uma justificativa ao Conselho Monetário.


A ABCS também solicita ao Ministério a liberação extra limite do crédito de custeio no valor de R$1.200.000,00 por suinocultor conforme aprovado no Plano Safra 2012/2013.

O ato público da próxima quinta-feira será uma maneira de mostrar a força da suinocultura brasileira em busca de soluções para a crise que afeta o setor.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink