Encontro define capacitação de técnicos da Fetraf em Passo Fundo (RS)

Agronegócio

Encontro define capacitação de técnicos da Fetraf em Passo Fundo (RS)

Mais de 60 pessoas participaram do encontro que reuniu técnicos, cooperativas, sindicatos e agricultores do PR, SC e RS
Por: -Renata
112 acessos
O planejamento das atividades no convênio entre a Embrapa Trigo (unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e a Fetraf-Sul (Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar) aconteceu nessa quinta-feira, (3-04), em Passo Fundo, RS. Mais de 60 pessoas participaram do encontro que reuniu técnicos, cooperativas, sindicatos e agricultores do PR, SC e RS. A produção leiteira é o foco dos treinamentos previstos para este ano.


De acordo com o Chefe de Pesquisa da Embrapa Trigo, João Leonardo Pires, o Convênio de Cooperação Técnica entre a Fetraf-Sul e a Embrapa foi assinado durante a Expointer 2007, em Esteio no RS, com o objetivo de disponibilizar tecnologias da Embrapa aos agricultores familiares da Região Sul. "A primeira demanda da Fetraf foi em relação à produção de leite, onde a Embrapa Trigo assume a função de facilitadora do processo, orientando a capacitação dos técnicos multiplicadores", explica Pires.


A metodologia a ser utilizada, conforme o Chefe de Comunicação e Negócios da Embrapa Trigo, Osvaldo Vieira, é o modelo do programa "Treino & Visita", desenvolvido há três anos na Embrapa Trigo, que prima pelo intercâmbio de informações entre os pesquisadores e os técnicos multiplicadores numa capacitação continuada: "Temos o cuidado para que não ocorra simplesmente a transferência do conhecimento, e sim estimulando o técnico a discutir e aprimorar a tecnologia em conjunto com o produtor".


Entre os encaminhamentos propostos no encontro, está a instalação de seis unidades de referência (modelos de produção) de cereais de inverno de duplo-propósito, destinados a pastagens e grãos, nos três estados do Sul: três unidades no RS, uma em SC e duas no PR. A coordenação técnica será do pesquisador Renato Fontaneli com articulação do técnico Jorge Cerbaro. "A implantação das unidades vai servir de base para treinamentos direcionados à atividade leiteira", esclarece o agrônomo da Fetraf-Sul, Demilson Fortes, lembrando que os encontros do grupo passam a seguir um calendário bimensal, onde serão trabalhados cinco blocos: nutrição, qualidade, gestão, pastagens e genética.


O coordenador geral da Fetraf-Sul, Altemir Tortelli, ressalta que o convênio vai garantir o acesso da agricultura familiar às tecnologias geradas pela pesquisa. As informações são da assessoria de imprensa Embrapa Trigo.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink