Entidades fortalecem produção de orgânicos em Goiás


Agronegócio

Entidades fortalecem produção de orgânicos em Goiás

Associações e cooperativas promovem este tipo de cultura e seus benefícios
Por:
735 acessos
Associações e cooperativas promovem este tipo de cultura e seus benefícios

Goiânia - O mercado de alimentos orgânicos em Goiás ainda é tímido, mas registra crescimento na oferta e demanda nos últimos dez anos. Um dado do Sebrae em Goiás mostra o interesse do trabalhador em produzir alimentos sem o uso de agrotóxicos. O número de produtores cadastrados para comercializar orgânicos no estado quase quadruplicou de 2002 a 2011: passou de 20 para 68. A estimativa de área plantada, atualmente, é de 200 hectares, considerando hortaliças, frutas e raízes.

Para manter o quadro de progresso, cooperativas e entidades foram criadas no estado para auxiliar o produtor, do cultivo ao comércio de orgânicos. Elas também mostram os benefícios ambientais, sociais e nutricionais desse tipo de alimento. Um exemplo é o trabalho desenvolvido pela Associação para o Desenvolvimento dos Alimentos Orgânicos de Goiás (Adao Goiás). Criada em 1999, a entidade baseou suas atividades numa experiência de sucesso desenvolvida em Fortaleza, onde existe uma associação com o mesmo nome e voltada para o estímulo e a prática da agricultura orgânica.

A Adao Goiás possui cerca de 60 associados ativos, formada por produtores e consumidores. Segundo seu presidente, Mariano Alejandro Parejo, atende pessoas conscientes do impacto da agricultura no meio ambiente. A meta da entidade é desenvolver canais de comercialização, aproximando os associados, e promover comércio justo entre consumidores e produtores.

Mariano considera que a Adao deve vencer desafios por ser uma corrente ainda pequena na agricultura geral. “Existem dificuldades, desde a falta de técnicos na área até na hora de financiar projetos, pois alguns planos não se encaixam nos padrões da agricultura convencional”, enfatiza.

Projeto Goiás Orgânico

Em 2008, o Sebrae realizou evento em Goiânia para assinatura de um pacto chamado Projeto Goiás Orgânico, que estabeleceu objetivos como aumentar a produtividade e a qualidade do orgânico no estado. Nessa época, a Cooperativa Goiás Orgânico foi idealizada. Nasceu da união de propostas de produtores para comercializar conjuntamente e trocar informações.

“Formamos um conjunto composto por pessoas de perfis diversos, mas com interesses similares, preocupadas com a qualidade de vida, com o meio ambiente, com a sustentabilidade e com os princípios que norteiam quem produz alimentos orgânicos”, ressalta Ester Galvão, da diretoria da cooperativa.
Serviço
 
Adao Goiás
Cooperativa Goiás Orgânico
Rua 74, Mercado Popular, Sala 23, Centro, Goiânia (GO)
Contato: (62) 9686-0550 / 8555-0882

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink