Entrega de fertilizantes cai 22,5% de janeiro a julho

Agronegócio

Entrega de fertilizantes cai 22,5% de janeiro a julho

A explicação para a queda é a crise financeira mundial, que na avaliação dele deverá ser revertida de agora em diante, com tendência de a comercialização ficar semelhante aos últimos seis meses de 2008
Por:
258 acessos

A entrega de fertilizantes aos produtores caiu 22,5% de janeiro a julho de 2009, na comparação com o mesmo período de 2008, totalizando 10,8 milhões de toneladas. A informação é do presidente da Câmara Setorial de Insumos, Cristiano Simon.

A explicação para a queda é a crise financeira mundial, que na avaliação dele deverá ser revertida de agora em diante, com tendência de a comercialização ficar semelhante aos últimos seis meses de 2008.

A importação de fertilizantes também teve redução drástica, de 10,6 milhões de toneladas para 4,5 milhões de toneladas. Os estoques destes produtos junto às indústrias recuaram de 6,7 milhões de toneladas para 4,7 milhões de toneladas até o mês passado.

Já as vendas de defensivos não tiveram queda de janeiro a julho: subiram de R$ 5,225 bilhões para R$ 5,287 bilhões.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink