Epamig e Embrapa integram Polo de Excelência em Florestas

Agronegócio

Epamig e Embrapa integram Polo de Excelência em Florestas

O termo de adesão foi assinado nessa terça-feira (18), em Belo Horizonte
Por:
148 acessos

A Embrapa Florestas e a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) são os mais novos integrantes do Comitê Gestor do Polo de Excelência em Floretas. O termo de adesão foi assinado nessa terça-feira (18), em Belo Horizonte, na presença dos secretários de Estado Alberto Duque Portugal, da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), e Gilman Viana, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa). Pela Embrapa Florestas assinou o chefe geral Helton Damin da Silva e o pesquisador Antonio Belotte, e pela Epamig, o presidente Baldonedo Napoleão.

A reunião do Comitê Gestor foi aberta pelo gerente executivo do polo, Antonio de Pádua Nacif. Criado em 2008, a exemplo das demais ações semelhantes da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), o Polo de Excelência em Florestas trabalha pela consolidação da liderança desse segmento econômico. Também estão em funcionamento em Minas Gerais os polos de café, leite, mineração e metalurgia e o de recursos hídricos. Em fase de estruturação está o Polo de Excelência em Gestão Ambiental.

Nacif fez um balanço de todos os projetos desenvolvidos pelo polo, entre eles o Centro de Inteligência e a Biblioteca Virtual, que receberá 11 mil trabalhos desenvolvidos pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) na área de florestas. A superintendente de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Sectes, Déa Fonseca, sugeriu que todos os centros de inteligência sejam conectados e integrados ao Observatório de Ciência e Tecnologia, a ser lançado nos próximos dias pelo projeto estruturador Rede de Inovação Tecnológica (RIT), gerenciado pelo secretário-adjunto da Sectes, Evaldo Vilela.

Ao assinar o termo de adesão que dá a Epamig um assento no Comitê Gestor do Polo de Excelência em Florestas, Baldonedo Napoleão informou que a empresa espera contribuir para o que se propõe o polo. “Estamos ampliando a pesquisa na silvicultura e meio ambiente, reformando o espaço da Fazenda Experimental de Felixlândia para capacitação de pessoal e aumentando o número de pesquisadores em diversas áreas”, explicou.

Helton Damin da Silva disse que a Embrapa Florestas trabalha uma aproximação maior com o setor florestal nacional e que Minas Gerais é o Estado de maior importância nesse contexto. “Esperamos poder contribuir e fazer essa ponte com as demandas florestais que nos cabem. Todo o processo de pesquisa, desenvolvimento e inovação passam por Minas”, afirmou o chefe geral da Embrapa Florestas. Minas Gerais lidera a área de florestas plantadas com 1,5 milhão de hectares.

O secretário Portugal disse que a adesão da Epamig e da Embrapa vai ao encontro do propósito do polo de integrar instituições com trabalhos reconhecidos em todo o país. “A ideia não é mais um local para desenvolver pesquisas. O polo é um programa de desenvolvimento que reúne competências já instaladas e que podem ter laboratórios melhor estruturados, qualificação profissional e capacidade de fazer certificação. O governador Aécio Neves, apesar da crise econômica global que reduziu a arrecadação do Estado, manteve todos os recursos previstos para a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (Fapemig), que financia grande parte dos projetos” argumentou.

A reunião teve a presença de representantes das demais instituições que compõem o Comitê Gestor do Polo de Excelência em Florestas, como as Universidades Federais de Viçosa, Lavras e Vale do Jequitinhonha e Mucuri; Associação Mineira de Silvicultura; Sebrae Minas; Sociedade de Investigações Florestais (SIF); Sindicato Intermunicipal das Indústrias de Marcenaria de Ubá (Intersind); Secretarias de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e Desenvolvimento Econômico (Sede).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink