Epamig realiza Dia de Campo sobre Hortaliças e Plantas Medicinais
CI
Agronegócio

Epamig realiza Dia de Campo sobre Hortaliças e Plantas Medicinais

Evento será na Fazenda Experimental Vale do Piranga, em Oratórios, Zona da Mata
Por:
Evento será na Fazenda Experimental Vale do Piranga, em Oratórios, Zona da Mata

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) realiza nesta quarta-feira (10), na Fazenda Experimental Vale do Piranga, no município de Oratórios, na Zona da Mata, o Dia de Campo sobre Hortaliças e Plantas Medicinais. As atividades vão começar às 12h30 e a expectativa é reunir cerca de 100 produtores da região para compartilhar informações sobre as tecnologias geradas pela Epamig para a produção de hortaliças convencionais e não convencionais, além de plantas medicinais, que surge como oportunidade para o agricultor com a adoção da fitoterapia no Sistema Único de Saúde (SUS).


As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas no local. O dia de campo contará com palestras sobre mercado e políticas públicas para hortaliças e sobre Componente Verde/plantas medicinais. Os produtores participarão ainda de duas estações com demonstração prática sobre hortaliças não convencionais e plantas medicinais e sobre hortaliças e manejo de irrigação.

A coordenação das atividades e a apresentação dos temas serão feitas pelos pesquisadores da Epamig Sânzio Molica Vidigal e Maria Aparecida Sediyama (na área de hortaliças), Marinalva Woods Pedrosa (hortaliças não convencionais) e Maira Cristina Marques Fonseca (plantas medicinais). Participarão ainda as pesquisadoras Andréia Fonseca Silva e Maria Regina de Miranda Souza, ambas da Epamig, e o pesquisador da Universidade Estadual Paulista, Filipe Giardini.


Na Fazenda Experimental Vale do Piranga, a empresamantém campos cultivados de alface, brócolis, couve-flor, cebola e pepino, entre as hortaliças; de capuchinha, jiló lobeira, cará, araruta, vinagreira e ora-pro-nobis, entre as não convencionais; e de melissa, calêndula, alcachofra, maracujá, confrei, alecrim e capim-limão, entre as plantas medicinais. Toda a área cultivada poderá ser visitada pelos participantes do dia de campo.

Alternativa para pequenos e médios produtores

O cultivo de hortaliças e de plantas medicinais representa uma alternativa viável para melhoria da renda para pequenos e médios produtores, especialmente dentro do conceito de agricultura familiar, em razão da grande demanda por mão de obra. Na produção de hortaliças em pequena escala comercial, cultivam-se várias espécies, possibilitando a diversidade alimentar, com tecnologia de baixo custo. Para o sucesso da atividade é necessário conhecer as espécies a serem cultivadas e a necessidade do mercado em termos de variedade e de qualidade.


As hortaliças não convencionais são plantas que em algum momento foram largamente consumidas pela população e, por mudanças no comportamento alimentar, perderam espaço e mercado para outras culturas. Minas Gerais é pioneira no resgate dessas hortaliças e, para isso, foram criados Bancos Ativos de Germoplasma em diversas regiões do estado, como na Fazenda Experimental Vale do Piranga, da Epamig, em Oratórios. Nesses bancos, as espécies são mantidas e propagadas para distribuição a instituições e associações que se comprometam a dar continuidade ao trabalho.

Serviço

Dia de Campo sobre Hortaliças e Plantas Medicinais

Data: 10 de outubro de 2012

Horário: 12h30 às 17h

Local: Fazenda Experimental Vale do Piranga – Rodovia Luiz Martins Soares, km 05 – Oratórios

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink