Estradas do interior do RS em estado precário para a safra
CI
Agronegócio

Estradas do interior do RS em estado precário para a safra

Chuvas agravaram ainda mais a situação da malha viária
Por:
A difícil a situação das estradas do interior preocupa os produtores do município de Cachoeira do Sul/RS, já que em pleno início da colheita de grãos, há trechos intrafegáveis no interior. O agropecuarista Jaci Sari é um que não esconde a apreensão com o futuro escoamento da safra. Ele fez contato com a Linha Direta nesta quarta-feira para dizer que as estradas do Barro Vermelho estão em estado lastimável. De acordo com o produtor, que cria gado e planta soja há pontos de alagamento em praticamente todas as estradas do distrito. 

Na localidade de Ipê a estrada virou um corredor de lagoas, relatou o produtor. Para escapar do problema, quem mora no Barro Vermelho e precisa se deslocar até a cidade, tem que fazer uma volta pela BR-290 que aumenta o trajeto em 55 quilômetros, revelou Sari. 

TRECHOS 

 Há trechos com buracos e alagamentos nas estradas que cortam também as localidades de Dorasnal, Palmas e Pinheiro, destacou o agropecuarista que lamentou a falta de ação da Prefeitura. Sari disse que os produtores da região já cansaram de pedir providências à Secretaria Municipal do Interior, que na iminência da colheita da safra, nada fez para melhorar as condições das estradas do interior. 

 O secretário municipal do Interior, Jânio Macedo, observou que as chuvas que caíram no mês de março atrapalharam o processo de recuperação das estradas e agravaram ainda mais a situação da malha viária do interior. Para tentar recuperar estradas importantes para a escoação de grãos, as equipes da Prefeitura deverão trabalhar no feriado de Páscoa, revelou o secretário. Macedo revelou que a estrada do Barro Vermelho, considerado um dos eixos para o escoamento da produção, foi completamente recuperada em janeiro. “Fizemos um trabalho no capricho, mas as chuvas de fevereiro e março deixaram a estrada cheia de buracos de novo,” explicou Macedo. Com cinco patrolas e toda a força de trabalho da pasta em ação, o secretário espera deixar as estradas em condições para a colheita, que já iniciou no município. 



Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.