Estratégia de colheita foca produtividade e qualidade da fibra

Agronegócio

Estratégia de colheita foca produtividade e qualidade da fibra

Nufarm disponibiliza ferramenta baseada em tecnologias de ponta
Por:
723 acessos

Nufarm disponibiliza ferramenta baseada em tecnologias de ponta que permite antecipar a colheita do algodoeiro
 
São Paulo (SP) – Enquanto as cotações do algodão oscilam pressionadas pela baixa qualidade da fibra e as negociações seguem em ritmo lento nos mercados spot e futuro, os produtores voltaram sua atenção ao manejo da cultura e à melhora da produtividade, segundo o Cepea - Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada. O Cepea aponta ainda que o clima desfavorável da safra 2015-16 e a baixa disponibilidade de pluma verificada no ciclo 2014-15 ajudam a manter a expectativa de valorização do algodão.
 
De acordo com o Cepea, as cotações da pluma seguem firmes. Entre os dias 31 de maio e 7 de junho, o indicador Cepea/Esalq com pagamento em oito dias, referente à pluma 41-4, posta em São Paulo, teve alta de 0,56%, fechando a R$ 2,7050/lp.         
 
No momento em que a cadeia produtiva trabalha para aumentar a produção e a rentabilidade, a equipe técnica da Nufarm disponibiliza uma ferramenta de alta tecnologia para o manejo da colheita do algodoeiro, baseada nos produtos CottonQuick® e Punto®. O método tem como objetivos principais antecipar a colheita e preservar a qualidade da fibra.
 
“O uso eficaz do desfolhante Punto® e do maturador CottonQuick® possibilita ao cotonicultor programar a sua colheita”, ressalta Carlos Mella, gerente de herbicidas e adjuvantes da Nufarm. “A ação desses produtos permite a desfolha e a abertura total das maçãs viáveis, além do melhor aproveitamento dos capulhos e a preservação da qualidade final da fibra”, resume o executivo.
 
Punto® é um herbicida sistêmico com ação desfolhante, recomendado para aplicação em pré-colheita. Por ser altamente concentrado, diz o gerente, o produto, composto pelos ingredientes ativos Tidiazurom e Diurom, é aplicado a baixas doses por hectare.
 
“Quando absorvido, Punto® acelera a formação do tecido natural entre a folha e o ramo do algodoeiro, promovendo o desfolhamento e suprimindo o rebrotamento foliar. As folhas caem ainda verdes e as plantas se mantêm livres de impurezas provenientes de folhas secas”, explica Mella.
 
Já o maturador desfolhante CottonQuick® é recomendado principalmente para induzir a abertura homogênea das maçãs fisiologicamente maduras. “O ingrediente ativo Etefom mantém a uniformidade na maturação e auxilia na desfolha, favorecendo a antecipação da colheita”, finaliza Carlos Mella.
 
Dados da consultoria Céleres® indicam que a área plantada com algodão deverá ficar em 867 mil hectares na safra 2015-16, uma redução de 2,6% em relação à safra passada. A produtividade projetada é de 1,62 t/ha e a produção da pluma de 1,56 milhão de toneladas, 2,4% acima do ciclo 2014-15.
 
Com a perspectiva de crescer 5% ao ano em vendas globais até 2018, a Nufarm informou que irá direcionar seus principais investimentos a quatro mercados-chave: América Latina (Brasil e Argentina), América do Norte (Estados Unidos e Canadá), Europa (Alemanha, Polônia e França) e ao bloco Austrália-Nova Zelândia. Nesse cenário, o Brasil deverá absorver parte significativa dos recursos previstos, segundo revela o presidente da empresa para a América Latina, Marcos Gaio.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink