Estudo mostra evidências do efeito protetor que a soja possui

Agronegócio

Estudo mostra evidências do efeito protetor que a soja possui

Por:
301 acessos
Consumo é inversamente associado com o risco de câncer de mama na pré-menopausa.

Novo Hamburgo - A soja é uma rica fonte de isoflavonas, que têm conhecidas propriedades antiestrogênicas e anticarcinogênicas. A revista American Journal of Clinical Nutrition, em seu número de junho último, publicou estudo que avaliou a associação entre a ingestão de alimentos com soja por 73.233 adolescentes e adultas chinesas e sua associação com o câncer de mama.


Foi utilizado um questionário para avaliar a dieta usual durante a adolescência e vida adulta. Após 7,4 anos de acompanhamento em média, 592 casos de
câncer de mama foram identificados. O consumo de soja por adultos, medido pela ingestão de isoflavona ou por proteína de soja, esteve inversamente associado com o risco de câncer de mama na pré-menopausa. Finalmente, este grande estudo prospectivo fornece evidências do efeito protetor da soja.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink