EUA esmagam 171,7 mi bushels de soja em dezembro

Soja

EUA esmagam 171,7 mi bushels de soja em dezembro

Foi o primeiro aumento de estoques de óleo de soja em oito meses, segundo dados da Nopa
Por:
165 acessos

 O ritmo mensal de processamento de soja nos Estados Unidos saltou em dezembro para o terceiro nível mais alto já registrado e o maior já observado para o último mês do ano, informou a Associação Nacional de Processadores de Oleaginosas (Nopa, na sigla em inglês) nesta terça-feira.

Os membros da Nopa, que processam cerca de 95 por cento de toda a soja nos EUA, esmagaram 171,759 milhões de bushels de soja no mês passado, bem à frente dos 166,959 milhões em novembro e dos 166,305 milhões em dezembro de 2017, o recorde anterior para o mês.

O número também superou a maioria das previsões de mercado, que apontavam em média para 170,016 milhões de bushels, com base em estimativas coletadas pela Reuters junto a 10 analistas.

Os processadores têm bastante soja disponível para ser processada, já que uma safra recorde de 4,6 bilhões de bushels de soja aumentou o volume de reservas, enquanto as exportações da oleaginosa caíram devido a uma guerra comercial com a China, o maior importador do mundo.

Os estoques de óleo de soja no final de dezembro estavam em 1,498 bilhão de libras, um pouco acima dos 1,484 bilhão no final de novembro, mas abaixo dos 1,518 bilhão de libras em igual período do ano anterior.

Foi o primeiro aumento de estoques de óleo de soja em oito meses, segundo dados da Nopa.

As exportações de farelo de soja em dezembro caíram para 826.404 toneladas, de 901.449 toneladas exportadas em novembro e 921.726 toneladas em dezembro de 2017, disse a Nopa.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink