Europa volta a subsidiar as exportações de trigo

Agronegócio

Europa volta a subsidiar as exportações de trigo

Por:
4 acessos

A União Européia (UE) anunciou que irá receber as propostas para a concessão de subsídios às exportações de trigo pela primeira vez desde junho de 2003, uma vez que o aumento da safra no leste europeu e a queda do valor do dólar em relação ao euro estão reduzindo os preços pagos aos agricultores que fazem parte do bloco.

A UE vai abrir uma cotação de preços para subsídio de 2 milhões de toneladas de trigo com valores a serem fixados semanalmente a partir de 3 de fevereiro, informou Michael Mann, porta-voz da Comissão Européia (CE).

"Considerando que houve uma grande safra de trigo e a desvalorização do dólar ante o euro, estamos com dificuldade para exportar nosso trigo", disse Mann. A concessão de subsídios "é um dos instrumentos que temos para controlar o mercado", afirmou.

A safra de trigo da UE aumentou 28% no ano passado, totalizando 98 milhões de toneladas, disse Mann, e o euro valorizou-se 8% frente ao dólar, a moeda na qual se estabelece o preço trigo no mercado internacional de grãos.

A solicitação da Hungria e da República Checa, países que não têm saída para o mar, de subsídios para exportar trigo, foi recusada. Os países garantiram que o aumento da safra fez com que o transporte da produção para os portos ficasse proibitivo. Os dois países argumentaram que os preços de exportação oferecidos aos seus produtores de trigo estavam muito abaixo do preço mínimo garantido pela UE, o que tornava as exportações pouco atraentes.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink