Expectativas para mercados de carnes são apresentadas ao setor privado

Agronegócio

Expectativas para mercados de carnes são apresentadas ao setor privado

Brasil pretende acessar novos importadores de carne em 2010
Por: -Eline Santos
760 acessos

União Europeia, Malásia, Japão, Coreia do Sul e Canadá são alguns dos países importadores de carne que o Brasil pretende acessar em 2010. As perspectivas de novos mercados foram apresentadas pelo diretor de Negociações Sanitárias e Fitossanitárias do Ministério da Agricultura, Lino Colsera, na reunião que define a estratégia internacional do agronegócio para o próximo ano.

Colsera e avaliou algumas ações realizadas este ano para inserção de produtos de origem animal em novos países. A carne suína in natura é a proteína que terá mais mercados a serem conquistados. União Europeia, Japão, Coreia do Sul, Canadá, México, Uruguai e África do Sul serão foco do governo brasileiro na busca pela ampliação das vendas internacionais em 2010.

O reconhecimento por parte dos Estados Unidos do status sanitário de Santa Catarina em relação à febre aftosa foi uma conquista importante este ano, na opinião do diretor. “Essa medida é um trunfo para o Brasil atuar em outras frentes de negociação e reforça a imagem da qualidade da carne brasileira no exterior”, afirmou.

Para a carne bovina in natura, a expectativa é de crescimentos das exportações para a União Europeia e abertura para o mercado da Malásia, que também é alvo do setor de aves in natura. Na carne de frango in natura, as negociações em 2011 estarão voltadas para a Indonésia e países africanos.

O diretor lembrou que a atuação nos Comitês Consultivos Agrícolas (CCA) que o ministério mantém com os governos dos Estados Unidos, Canadá, Chile, China, Coreia do Sul, Indonésia e Rússia é fundamental para a aceleração da abertura de novos mercados. “Esse fórum de discussão entre governos é uma forma nos aproximar e cobrar tendências em relação à abertura de novos mercados”, disse.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink