Expedição Safra confere produção recorde de grãos dos EUA em roteiro pelo Corn Belt

Agronegócio

Expedição Safra confere produção recorde de grãos dos EUA em roteiro pelo Corn Belt

Na estrada há 11 anos, a Expedição Safra faz um levantamento da produção de grãos na América do Sul e do Norte
Por:
1541 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Equipe de técnicos e jornalistas percorre, esta semana, cinco estados norte-americanos; No Brasil, projeto inicia as visitas de campo pelas lavouras do Paraná e estima produção de 215 mi t de grãos
 
Considerando apenas soja e milho, os Estados Unidos da América (EUA) devem produzir 498,6 milhões de toneladas na temporada 2016/17. A estimativa é do USDA – departamento de agricultura do país – e indica a ocorrência de safra recorde. Para conferir a reta final da colheita e o impacto da produção dos EUA no mercado internacional, a 11ª Expedição Safra percorre, esta semana, cinco estados do Corn Belt norte-americano, principal região produtora de milho do país.
 
Na estrada há 11 anos, a Expedição Safra faz um levantamento da produção de grãos na América do Sul e do Norte. Além de acompanhar o potencial produtivo e a evolução da área plantada, o projeto constrói um diagnóstico completo do setor, desde a logística de escoamento da safra até as movimentações de preços nos mercados interno e externo. Com o tema “Eficiente e competitivo, no campo e no mercado”, a equipe de técnicos e jornalistas inicia a temporada 2016/17 com roteiro pelos EUA. 
 
“Acompanhar o resultado da safra norte-americana é fundamental para se ter uma noção das tendências de preço das commodities no mercado internacional. Com os dados consolidados da colheita, que já está na fase final nos EUA, é possível avaliar como a oferta de grãos vai impactar a safra brasileira e as cotações no Brasil, que ainda está iniciando o plantio”, explica o gerente do Núcleo de Agronegócio da Gazeta do Povo e coordenador da Expedição Safra, Giovani Ferreira.     
 
Brasil
Os roteiros nacionais têm início na semana seguinte com viagens pelo Paraná. Até o final do ciclo, a equipe vai percorrer 15 estados brasileiros, responsáveis por 90% da produção nacional de grãos. No ciclo 2016/17, o país sustenta potencial produtivo de 215 milhões de toneladas, puxado principalmente pela soja (100 milhões de t) e pelo milho (82 milhões de t), conforme aponta a primeira projeção divulgada pela Expedição Safra.
 
O índice é igual ao divulgado no início da temporada 2015/16, que chegou ao fim com resultado menor do que o esperado – abaixo de 200 milhões de t de grãos – principalmente devido à instabilidade climática. “A expectativa é de retomada, porque a safra passada foi muito prejudicada pelo clima. Mudamos de um El Niño forte para um La Niña bastante moderado, o que deve proporcionar clima melhor do que ano passado”, avalia Ferreira.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink