Exportações de carne de frango dos EUA continuam retraídas

Agronegócio

Exportações de carne de frango dos EUA continuam retraídas

As exportações de carne de frango dos EUA, da ordem de 245 mil toneladas, mantiveram-se no mesmo nível de março
Por:
443 acessos

Em abril, as exportações de carne de frango dos EUA, da ordem de 245 mil toneladas, mantiveram-se no mesmo nível de março (redução de 0,16% no volume embarcado), mas foram 5,61% inferiores às do mesmo mês do ano passado.

Em outras palavras, a retração permanece, pois o acumulado nos quatro primeiros meses do ano – 958.732 toneladas – corresponde a um volume 3,43% menor que o de idêntico período de 2015. 

Notar, porém, que o índice relativamente moderado de redução já é reflexo de baixos embarques realizados nos quatro primeiros meses de 2015. Assim, por exemplo, na comparação com o primeiro quadrimestre de 2014, o índice de recuo atual sobe para 12%.

O índice dos últimos 12 meses não é muito diferente, pois aponta queda de 11,81% em relação a idêntico período anterior. Mas – consideradas as projeções do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) – os embarques tendem a uma recuperação nos próximos meses.

Pelas últimas projeções do USDA, em 2016 a avicultura norte-americana deve exportar 3,057 milhões de toneladas de carne de frango, volume que significa aumento de perto de 7% sobre o total exportado em 2015 (2,866 milhões de toneladas).

No entanto, para esse volume ser alcançado, é preciso que os embarques efetuados entre maio e dezembro de 2016 se situem em torno das 262 mil toneladas mensais. Nos primeiros quatro meses do ano essa média ficou próxima, mas abaixo, das 240 mil toneladas.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink