Exportações de etanol seguem com forte queda

Agronegócio

Exportações de etanol seguem com forte queda

Brasil embarcou 118,80 mi de litros de etanol no fechamento de setembro
Por:
772 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.
De acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), o Brasil embarcou 118,80 milhões de litros de etanol no fechamento de setembro.

Na comparação com o mês anterior, quando foram exportadas 78,40 milhões de litros, a alta foi de 51,6%. No entanto, em relação ao mesmo período do ano passado a queda registrada foi de 59,8%.

O principal fator de queda nas exportações brasileiras de etanol em 2014 é a perda de competitividade diante do produto norte-americano, produzido a partir do milho.

Por outro lado, vale lembrar que esta queda nos embarques do biocombustível, juntamente com a quebra da safra 14/15 de cana no Brasil podem garantir maior oferta para o abastecimento do mercado interno.

Segundo a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (ANFAVEA), o número de carros flex licenciados em setembro foi de 249,24 mil, alta de 9,1% frente a agosto e o maior deste janeiro.

No acumulado do ano até setembro foram licenciados 2,12 milhões de carros com motor flex, participação de 88,0% do total comercializado (2,41 milhões de carros) entre as quatro categorias (gasolina, elétrico, etanol e diesel).
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink