Exportações de frango crescem 14,1% no PR

Agronegócio

Exportações de frango crescem 14,1% no PR

A avicultura de corte do Paraná caminha para consolidar 2007 como o melhor ano para o segmento no Estado
Por:
244 acessos

A avicultura de corte do Paraná caminha para consolidar 2007 como o melhor ano para o segmento no Estado. Levantamento do Sindicato das Indústrias dos Produtos Avícolas do Paraná (Sindiavipar) demonstra que no acumulado janeiro a setembro deste ano, as vendas externas tiveram desempenho 14,1% superior ao mesmo período do ano passado em volume exportado. Ou seja, no acumulado de 2007 foram comercializados com o mercado internacional 616.772.031 quilos de frango, contra 540.548.840 quilos em 2006. O desempenho é 6,05% superior ao acumulado janeiro a setembro de 2005, até aqui o melhor ano para a avicultura de corte do Paraná, quando haviam sido exportado 581.549.811 quilos de frango.

Em setembro, as vendas paranaenses também tiveram alta, comparados com o mesmo mês do ano anterior. O desempenho foi 4,84% superior em volume comercializado: 62.340.639 quilos em 2007 contra 59.458.926 quilos em 2006. Ao se avaliar o faturamento, o desempenho paranaense também é superior, motivado principalmente pelo aumento da venda de produtos industrializados, que têm maior valor agregado.

No acumulado janeiro a setembro deste ano, as vendas externas paranaenses resultaram em faturamento de US$ 825.792.078, contra US$ 611.253.441 no mesmo período do ano passado. Em 2005, de janeiro a setembro, as indústrias haviam acumulado US$ 668.231.590 em faturamento com a exportação.

De acordo com o presidente do Sindiavipar, Domingos Martins, esse bom desempenho apresentado pelo Paraná durante todo o ano reflete na projeção otimista para o segmento. “Os resultados altamente positivos acumulados nos nove meses do ano indicam que o segmento está acompanhando a previsão de crescimento linear, mantendo os bons números de comercialização durante todo o ano”, afirmou.

Para 2007, a expectativa do presidente do Sindiavipar é de superar o volume exportado em 2006 em até 15%, batendo o recorde histórico de vendas externas de frango de corte do Paraná.

Além da quantidade exportada, Domingos Martins ressalta a qualidade no produto comercializado, com o significativo crescimento dos produtos industrializados, o que demonstra um avanço para o segmento no Estado. A venda dos produtos industrializados cresceu 140,65% comparada a 2005 - este ano, já foram comercializados de janeiro a setembro 12.091.989 quilos de produtos industrializados, contra 5.024.643 quilos em 2005. “Esse desempenho retrata a posição de destaque nacional tanto na produção quanto nas vendas de aves, com a aposta no controle e na qualidade do frango que é produzido no Paraná”, afirma.

Nacional

Com esse desempenho, o Paraná responde por 26,35% das exportações brasileiras de frango de corte, ocupando a segunda colocação no ranking nacional, muito próximo a Santa Catarina, que hoje representa 27,79% das exportações brasileiras de frango de corte, tendo acumulado este ano o total de 650.512.264 quilos comercializados internacionalmente.

De janeiro a setembro deste ano, as indústrias avícolas do Brasil acumularam vendas de 2.340.089.343 quilos, desempenho 19,63% superior ao mesmo período do ano passado, quando haviam sido exportados 1.956.112.365 quilos.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink