Exportações do agronegócio de MG batem recorde no primeiro trimestre

Agronegócio

Exportações do agronegócio de MG batem recorde no primeiro trimestre

Desempenho do Estado supera a média nacional
Por: -Janice
1350 acessos
Desempenho do Estado supera a média nacional

As exportações do agronegócio mineiro, nos três primeiros meses deste ano, bateram recorde histórico. O valor movimentado, de US$ 1,97 bilhão, foi o melhor já registrado no período. O crescimento foi de 33,5% em relação ao recorde anterior, obtido em 2010. O levantamento foi feito pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, com base nos dados do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

Quase todos os principais produtos do agronegócio exportados por Minas Gerais registraram crescimento no valor das vendas no primeiro trimestre deste ano. “O faturamento com os embarques foi favorecido pela valorização dos produtos do Estado no mercado internacional. Mesmo com o valor do dólar ainda desfavorável para os exportadores, tivemos um desempenho expressivo no primeiro trimestre”, explica o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais, Elmiro Nascimento.

Outro fator destacado por Elmiro Nascimento é o desempenho de Minas Gerais na comparação com o Brasil. “Enquanto Minas cresceu mais de 30% com as vendas para o exterior, o país registrou um incremento de 23,1% no primeiro trimestre do ano na comparação com o mesmo período de 2010”, comenta o secretário.

O café foi responsável por mais da metade das vendas do agronegócio mineiro para o exterior no primeiro trimestre do ano. As exportações do produto geraram US$ 1,2 bilhão, um crescimento de 55,3% na comparação com 2010. “O café está muito valorizado no mercado internacional por causa dos baixos estoques mundiais. O preço médio nos primeiros três meses deste ano cresceu 54% na comparação com o primeiro trimestre do ano passado”, explica Elmiro Nascimento.

O grupo das carnes (bovina, suína e de aves) movimentou US$ 190 milhões no período. Um aumento de 20,5% na comparação com o ano passado. As vendas de carne de aves se destacaram com um crescimento de 70,1%, atingindo US$ 77,7 milhões com os embarques para o exterior.

O setor de madeira e derivados também contribuiu significativamente para o valor recorde das exportações deste ano. As vendas somaram US$ 188 milhões no primeiro trimestre, desempenho 7,9% superior ao do ano anterior.
Apesar de ainda não estar entre os principais produtos da pauta de exportações do agronegócio mineiro, o milho foi o produto que apresentou o maior crescimento nas vendas do primeiro trimestre. O valor obtido com os embarques do grão foi de US$ 40,8 milhões. Uma alta de 1.104% na comparação com os primeiros três meses de 2010.

Outros produtores que tiveram desempenho positivo neste ano foram couro (116%), óleo de soja (56,9%) e soja em grão (47,2%). Já os produtos que registraram queda no valor das vendas foram: açúcar (-23,7%), algodão (-6,8%), produtos lácteos (-60,2%) e carne suína (-66,7%).

As informações são da assessoria de imprensa da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink