Falta água para a semeadura

Agronegócio

Falta água para a semeadura

Por:
356 acessos

As dez horas de chuva de ontem, em Uruguaiana, contribuíram com apenas 22,1 milímetros dos 400 mm esperados até outubro para garantir o cultivo da área de arroz prevista para o município. Nos últimos dias, os produtores locais intensificaram o preparo da área a ser cultivada na safra 2009/2010. De acordo com o engenheiro agrônomo do Irga, Gustavo Hernandes, a reserva hídrica atual é suficiente apenas para suprir a demanda de 55.080 hectares, o equivalente a 54% dos 102 mil hectares estimados. Do total, 80 mil hectares estão em Uruguaiana e 22 mil hectares, em Barra do Quaraí.

Até o momento, foram preparados 66,3 mil hectares, que deverão ser semeados a partir da primeira semana de setembro. "Haverá uma antecipação de 15 dias no plantio, o que permitirá uma janela para as esperadas chuvas de outubro", destaca Hernandes.

Nos últimos anos, o índice pluviométrico tem crescido na primavera. Em outubro de 2008, a chuva atingiu 350 mm. Em outros períodos, a redução no índice tem sido significativa. "O plantio nos primeiros dias do próximo mês representa guardar a semente na terra, uma vez que não há germinação antes do solo atingir a temperatura de 18 graus", diz Hernandes.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink