Falta de chuva já preocupa agricultores do país

Agronegócio

Falta de chuva já preocupa agricultores do país

A expansão, no entanto, dependerá de clima e da liberação de recursos do Plano de Safra do governo federal
Por:
121 acessos

A produção brasileira de grãos tende a registrar novo recorde na safra 2007/08, com expansão de 2% a 3% sobre os 1311,5 milhões de toneladas colhidas no ciclo passado, previu a Associação Brasileira de Agribusiness (Abag). A expansão, no entanto, dependerá de clima e da liberação de recursos do Plano de Safra do governo federal - ainda não totalmente disponíveis nos bancos, segundo informações do Ministério da Agricultura.

"Alguns grãos atingiram preços muito interessantes no mercado internacional, como soja e milho, e o endividamento dos produtores, embora ainda seja alto, limitará, mas não impedirá a expansão do plantio", afirmou Carlo Lovatelli, presidente da ABAG durante o 6º Congresso Brasileiro de Agribusiness, realizado em São Paulo.

Ele observou, no entanto, que a falta de chuvas em agosto (período em que alguns Estados já iniciam o plantio de soja super precoce) já preocupa o setor. "Há regiões em São Paulo e Paraná que não vêem chuvas há 60 dias", disse Francisco Matturro, diretor da Abag. André Madeira, da consultoria de meteorologia Climatempo, disse que ainda não há levantamento fechado sobre o índice de chuvas de agosto, mas confirma que o mês foi bastante seco nos Estados de Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, São Paulo e no Centro-Oeste do país.

Edilson Guimarães, secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, observou que o governo voltará a realizar os leilões de prêmio para escoamento da produção (PEP) e de prêmio de risco e opção privada (PROP) neste ano, para auxiliar produtores da região Centro-Oeste. Conforme Guimarães, o volume de recursos deve ser o mesmo usado na safra passada (R$ 2,8 bilhões) e atenderá aos produtores de soja e algodão. Ainda não há, no entanto, previsão de quando esses recursos serão disponibilizados.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink