Bovinos

Famato alerta para a prorrogação de dívidas rurais de bovinocultores de corte e de leite

Famato informa aos bovinocultores de corte e de leite do estado que o Banco do Brasil oferecerá a possibilidade de prorrogar dividas rurais
270 acessos

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) informa aos bovinocultores de corte e de leite do estado que o Banco do Brasil anunciou que oferecerá a possibilidade de prorrogar, de dois a três anos, dividas rurais provenientes de operações de custeio e investimentos vencidos em 2017 e com vencimento em 2018.

A medida vale para a Bovinocultura de Corte e Leiteira, nas seguintes condições: investimentos e custeio prorrogados em anos anteriores, reprogramados das parcelas para um ano após ao final do contrato; nos custeios de bovinocultura leiteira ou mista o pagamento deve ser de 20% e prorrogação do saldo restante por dois anos e para custeio de bovinocultura de corte 30% e prorrogado o restante por mais três anos.

O pedido de prorrogação foi encaminhado ao Banco do Brasil pela Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) em prol de todos os pecuaristas.

Os produtores rurais interessados devem procurar o gerente da conta no Banco do Brasil. Para dúvidas e informações o contato é a analista de Agricultura da Famato Karine Machado: (65) 3928-4416.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink