Famato reúne hoje credores para decidir sobre Plano de Recuperação

Agronegócio

Famato reúne hoje credores para decidir sobre Plano de Recuperação

Produtores credores do frigorífico Independência se reúnem nesta terça-feira (28), às 14 horas, na sede da Federação
248 acessos

Produtores credores do frigorífico Independência se reúnem nesta terça-feira (28), às 14 horas, na sede da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) para discutir o Plano de Recuparação Judicual apresentado pela empresa e que não agradou em nada aos produtores credores. A reunião foi convocada pela Famato com a finalidade de apresentar aos pecuaristas os resultados dos estudos feitos pelas equipes técnica e jurídica da Federação e que apresentou pontos preocupantes.

Entre os pontos de risco destacados pela Federação está o item que trata dos direitos dos produtores. Pela proposta do plano, a partir da sua aprovação em assembleia geral, os credores deverão isentar integral e definitivamente o Independência, a Nova Carne, a Nova Independência, seus respectivos sócios e/ou administradores (atuais ou passados) e/ou garantidores, a qualquer título de todas as demandas, ações e/ou pretensões que possam ter contra as empresas e seus respectivos sócios e/ou administradores (atuais ou passados) e de todas as dívidas, responsabilidades e obrigações, de qualquer natureza, que o Independência e/ou a Nova Carne e/ou a Nova Independência possam ter com os credores, relacionadas com débitos financeiros ou outras relações havidas entre os credores e o Independência e/ou Nova Carne antes da aprovação do plano, por força de qualquer instrumento, a qualquer título, independentemente de tais dívidas, responsabilidades e obrigações serem conhecidas ou não dos credores e/ou do Independência e/ou da Nova Carne. Assim, com a aprovação do plano, os credores (incluindo pecuaristas) deverão renunciar a todas as demandas judiciais passadas e futuras contra o Independência, Nova Carne e Nova Independência, incluindo seus sócios e administradores atuais e passados, isentando ainda as empresas de todas as dívidas, responsabilidades e obrigações de qualquer natureza.

Com base nas duas análises, a Famato elaborou documento com 16 sugestões para proteger o produtor credor, já que o quadro é bastante preocupante. Diante disso, a Famato vai orientar os credores na elaboração de propostas para serem inseridas como substitutivos ao plano original.
O presidente da Famato, Rui Prado, alerta que, com base no plano, nem mesmo os pequenos produtores credores, que têm expectativas de recebimento à vista de seus créditos, têm garantias de quitação dos mesmos.

A reunião da Famato com os pecuaristas acontecerá no auditório da Federação a partir das 14 horas desta terça-feira.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink