FAO vê commodities em retração no longo prazo

Agronegócio

FAO vê commodities em retração no longo prazo

Por:
7 acessos
Os preços reais dos produtos agrícolas continuarão caindo no longo prazo, em razão de excesso de produção, aumento de produtividade e políticas distorcivas dos países industrializados. A avaliação é da FAO, braço da Organização das Nações Unidas (ONU) para alimentação e agricultura. Em relatório sobre commodities agrícolas, a agência calcula que o preço real dos produtos agrícolas declinou 2% ao ano nos últimos 40 anos, prejudicando a renda de mais de 2,5 bilhões de agricultores em países em desenvolvimento.


Os preços dessas commodities desceram ao menor nível desde a grande depressão dos anos 30, em razão de evolução de técnicas, gosto dos consumidores e estruturas de mercado, além dos subsídios de mais de US$ 200 bilhões/ano dados pelos ricos a seus agricultores.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink