Faturamento da produção e comercialização agrícola deve ser recorde

Agronegócio

Faturamento da produção e comercialização agrícola deve ser recorde

Soja e milho apresentaram aumento de 5% e 10,7%
Por: -Danilo Macedo
1693 acessos

Basília – O faturamento bruto obtido com a produção e comercialização de produtos agropecuários, chamado de Valor Bruto da Produção Agropecuária, pode ser recorde em 2011. Segundo estimativa divulgada nesta segunda-feira (10) pelo Ministério da Agricultura, esse faturamento deve chegar a R$ 187 bilhões este ano, resultado 8,29% maior que o de 2010, quando o resultado final foi de R$ 172,74 bilhões.

A pesquisa foi feita em dezembro pela Assessoria de Gestão Estratégica do ministério, que chegou ao maior valor desde o início da série histórica, iniciada em 1997. Segundo o coordenador de Planejamento Estratégico, José Gasques, dois fatores contribuíram para se chegar a esta estimativa: a perspectiva de uma safra maior e a tendência de alta nos preços.

“As perspectivas de uma safra favorável, que pode chegar a 149,4 milhões de toneladas, pelas estimativas da Companhia Nacional de Abastecimento [Conab], e a tendência de alta de preços dos principais produtos agrícolas são fatores essenciais para os resultados [estimados] de 2011.”

Os produtos que apresentaram os maiores aumentos de valor bruto em relação ao ano passado foram a uva (55,9%), o feijão (41%), o algodão (38,3%), a pimenta do reino (23,5%), a laranja (22,7%), a mandioca (20,2%), o café (13,1%) e o arroz (11,2%).

Soja e milho, os dois principais grãos em volume de produção, apresentaram aumento de 5% e 10,7%, respectivamente, de acordo com a pesquisa. Entre os produtos que apresentaram as maiores reduções no valor da produção estão a cebola (-63%) e o trigo (-22,4%).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink