Fazendas eólicas podem alterar o clima do local onde se encontram
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,200 (0,72%)
| Dólar (compra) R$ 5,63 (0,59%)


Agronegócio

Fazendas eólicas podem alterar o clima do local onde se encontram

Turbinas geram turbulência que pode alterar temperaturas do ar que fica próximo ao chão
Por:
734 acessos

BBC - Segundo uma nova pesquisa, aquelas enormes fazendas com turbinas eólicas geram uma turbulência que pode alterar significativamente as temperaturas do ar que fica próximo ao chão.

Como, normalmente, essas turbinas ficam localizadas sobre plantações, essa descoberta mostra que a produtividade agrícola pode ser significativamente alterada por elas. De acordo com a mesma pesquisa, esse impacto pode ser atenuado se o formato do rotor dessas instalações for modificado.

Os cientistas, da Universidade de Illinois, descobriram que dependendo das condições naturais do ar, a temperatura local pode ser aumentada ou diminuída devido às turbulências. As diferenças vão de 0,4 graus Celsius a menos ou 1,5 graus a mais. Apesar de não parecer uma diferença significativa para nós, humanos, as plantas que estão tentando se desenvolver em uma temperatura para a qual não está adaptada sofrem – seja com a diminuição da safra que seria colhida ou com a própria morte da planta.

Uma das soluções é alterar o formato do rotor das turbinas – que seria muito cara. A outra seria mudar as turbinas para outro local, longe de plantações e onde já haja turbulências naturais no solo.

De qualquer forma, como a energia eólica é uma das propostas apontadas para frear a mudança climática no planeta, novos estudos serão necessários para que se encontre uma solução ideal.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink