Federraroz defende maior protagonismo do Brasil para expandir produção de arroz no RS

Arroz

Federraroz defende maior protagonismo do Brasil para expandir produção de arroz no RS

Entidade alerta para os entraves sofridos pelo produtor gaúcho no Mercosul
Por: -Aline Merladete
60 acessos

Após a Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) ter revelado que a diferença de preços entre os principais insumos no Mercosul pode chegar a quatro vezes mais , a Federação das Associações dos Arrozeiros do Rio Grande do Sul (Federarroz), adverte que se não houver um equilibiro dentro do bloco econômico, o orizicultor gaúcho e brasileiro será novamente prejudicado em 2019.

Conforme o vice-presidente Federarroz - Alexandre Velho, apesar da alta produtividade os produtores de arroz sofrem com a concorrência desleal.  “A maneira como está o Mercosul gera um prejuízo para toda a cadeia. Em função do acordo, não temos condições de competir com o grão que é produzido a um custo bem menor do que aqui no Brasil, principalmente no Rio Grande do Sul. E não é por falta de produtividade. Nós temos a segunda maior produtividade mundial, então nós precisamos de igualdade de condições”, afirmou.

No fim de dezembro, a futura ministra da Agricultura, Tereza Cristina, recebeu diferentes entidades ligadas ao agronegócio para discutir o impasse financeiro do bloco econômico. Segundo a nova comandante do Mapa, o governo trabalhará firme para eliminar as injustiças do Mercosul.

“Uma coisa positiva que tenho visto neste novo governo é a interlocução entre os diferentes setores. Por isso é importante apresentar todos os problemas que as cadeias do arroz, alho, leite, maçã, trigo, uva e vinho tem enfrentado. Então, precisamos sim, rever o Mercosul, pois ele, hoje, é danoso para o agronegócio brasileiro”, pontuou.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink