Rio Grande do Sul

FEE aponta avanço de 56% na exportação do setor de agronegócio do Rio Grande do Sul

Para fundação, alto volume de setembro reflete disponibilidade de estoques e base baixa no ano passado
Por:
63 acessos

 O agronegócio gaúcho faturou 1 bilhão de dólares com vendas ao exterior em setembro. O resultado foi divulgado nessa segunda-feira pela Fundação de Economia e Estatística (FEE) e revela um forte crescimento em volume (56,6%) e valor (24,4%) em relação ao mesmo mês do ano passado.

No acumulado do ano, no entanto, o resultado não é tão expressivo. De janeiro a setembro, as exportações do setor somaram 8,4 bilhões de dólares, com recuo de 3% sobre igual período de 2016, resultante do aumento de 1,5% no volume embarcado e da diminuição de 4,4% nos preços médios.

O resultado do mês passado foi fortemente influenciado pela venda de 1,3 milhão de toneladas de soja em grão, um recorde para o mês de setembro. Para o economista Sérgio Leusin Jr., da FEE, isso reflete a grande dimensão da última safra e também o movimento atipicamente baixo observado em setembro de 2016. Referindo-se àquele mês, o economista lembra que “os embarques caíram em função da baixa nos preços externos e por uma taxa de câmbio considerada desfavorável à exportação”.

Além do complexo soja, que faturou 545,5 milhões de dólares em setembro, com crescimento de 60%, também tiveram desempenho positivo o fumo e seus produtos (167,4 milhões de dólares, 23,2% acima de setembro de 2016) e cereais, farinhas e preparações (28,7 milhões de dólares, com avanço de 51,3%, na mesma comparação). Segundo Leusin Jr., as exportações de fumo e seus produtos resultam da disponibilidade da matéria-prima, já que a produção gaúcha cresceu 27,5% na safra passada. No caso dos cereais, houve incremento nas vendas de arroz, que também conta com estoques altos. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink