Agronegócio

Feira da Agricultura Familiar é inaugurada em Erechim

A 10ª Feira da Agricultura Familiar de Erechim foi inaugurada no sábado (11/06), no bairro Estevam Carraro.
Por:
455 acessos

A 10ª Feira da Agricultura Familiar de Erechim foi inaugurada no sábado (11/06), no bairro Estevam Carraro. A feira funcionará junto à Associação de Moradores do Bairro Estevam Carraro, todos os sábados, das 7h às 11h, inicialmente com oito famílias. No local serão comercializados laticínios, embutidos hortifrutigranjeiros, ovos, pães, biscoitos, bolachas, produtos orgânicos, flores, entre outros. 

A solenidade de abertura aconteceu às 9h, com a presença de lideranças, entre elas, o presidente da Câmara de Vereadores, Lucas Farina, o gerente regional da Emater/RS-Ascar de Erechim, Nilton Cipriano Dutra de Souza, juntamente com o extensionista do Escritório Municipal de Erechim, Claudio Kochhann, secretário municipal da Agricultura, Eloir Griseli, vereadores, representante do Centro de Apoio ao Pequeno Agricultor (Capa), Elio Farikoski representou a Associação de Moradores, presidida por Adellar Melli.

O gerente regional da Emater/RS-Ascar, Nilton Cipriano Dutra de Souza, observou que as feiras "são mais uma alternativas para o pequeno produtor e que a Instituição sempre incentivou as feiras e desejou sucesso para todos". Também destacou outras áreas como bovinos de leite e fruticultura, que a Emater/RS-Ascar vem incentivando na região.

O agricultor Volnei Mariga falou em nome das famílias, agradecendo pela confiança nos alimentos cultivados e produzidos por eles. "Esperamos que os produtores e consumidores possam ganhar". O secretário Eloir Griseli, destacou a importância da alimentação saudável e também a garantia de que os produtos trazidos pelos agricultores serão de grande qualidade.

O secretário municipal da Agricultura, Eloir Griseli, disse que a Prefeitura de Erechim, através da Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Segurança Alimentar, tem projeto para instalação de mais três feiras no município.

Odete Zanellato, que comercializará flores na feira, cultivadas em sua propriedade, observou que além da renda o cultivo de flores é para ela uma "terapia". O ato encerrou com a benção do padre César Menegati e os consumidores realizando as primeiras compras.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink