Fórum da soja aponta entraves

Agronegócio

Fórum da soja aponta entraves

Ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, abriu os debates
Por:
1 acessos

A Carta do 16º Fórum Nacional da Soja, que será encaminhada aos governos federal e estadual, restringiu-se a um balanço do que representa o agronegócio na economia nacional. O documento aponta que o agronegócio correspondeu, no ano passado, a 30% do PIB e 40% das exportações nacionais. "Com os dados queremos lembrar as autoridades da importância do setor no crescimento do país", disse o presidente da Cotrijal, Nei César Mânica. "Cabe destacar que a cadeia da soja, desde meados de 2004, vem passando por uma realidade mais difícil, com uma forte influência negativa de alguns fatores econômico-financeiros", destaca a carta.

"De fato, a soja no Brasil convive com um enorme prejuízo econômico na safra 2004/05. Os preços médios no balcão caíram 50% e a pequenas recuperação dos últimos dias está longe de ser suficiente. No RS e em outras regiões, a realidade é ainda pior, porque nem mesmo o clima tem colaborado nos últimos dois anos. No estado gaúcho, a seca já provocou uma quebra de safra superior a 50% até este momento", relata a carta.

O documento prossegue salientando que é preciso "resolver ainda problemas graves e pendentes em nível estrutural". "A logística de armazenagem e, particularmente, de transporte, o qual chega a penalizar em 75 dólares por tonelada os produtores de soja da região Centro-Oeste e em 20 dólares o produtor do Sul do país, são problemas que precisam ser resolvidos." A carta é assinada pelo presidente da Cotrijal e pelo presidente da Fecoagro-Fecotrigo, Rui Polidoro Pinto


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink